3a onda de ataque aéreo “não identificado” na Síria contra posições iranianas em Al-Bukamal

Imagem ilustrativa via redação OD Europe.

Uma nova onda de ataques aéreos aparentemente não identificados ocorreram na tarde de 18 de setembro (hora local) contra posições militares em torno da cidade síria de al-Bukamal, na fronteira com o Iraque, afirmaram várias fontes locais. Os ataques foram muito precisos e causaram destruição total das infraestruturas e veiculos diversos no local.

Desde 9 de setembro o complexo em construção em Al-Bukamal é alvo de ataques aéreos aparentemente não identificados, mas que jà mostram evidências fortes de ser ação da aviação de combate israelense. Imagens da ISI International.

A midia pró-oposição “Deir Ezzor 24”, afirmou que pelo menos seis mísseis atingiram posições de forças apoiadas pelo Irã nas proximidades da cidade estratégica.
Coincidentemente, 5 UAV’s turcos efeturaram vôos ao norte de Idlib, mantendo a aviação de combate russa em alerta durante todo o dia em toda a região norte da Syria, o que deixou a região sul totalmente desguarnecida.

Caça F-16I Israelense, imagem provàvel do ataque do dia 17/09. Via TRT World.

Um dia antes, vários ataques aéreos israelenses alvejaram uma grande base ao sudeste de Al-Bukamal, onde o Irã e suas forças são supostamente trabalhando para estabelecer uma base de mísseis. A Brigada Fatemiyoun, apoiada pelo Irã, confirmou que os edifícios inacabados foram destruídos como resultado do ataque e ainda existem informações controversas sobre mais de 2 dezenas de mortos.
Durante o ataque do dia 17/09 algumas aeronaves evidentemente israelenses foram fotografadas voando em pleno dia a baixa altitude sobre os locais atacados, provavelmente identificando mais alvos nos arredores.

Se confirmado, o novo ataque pode ter como objetivo intimidar a Síria e o Iraque, que estão se preparando para reabrir a travessia estratégica de al-Qa’im ao lado de al-Bukamal. Israel vê a travessia como uma grande ameaça, porque poderia ligar a capital síria, Damasco, a Teerã, no Irã.

  • Com informações Leppo Media Center, Arab News, I24 Israel via redação Orbis Defense Europe.


DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here
Enter the text from the image below