A Marinha do Brasil comemora o dia da Aviação Naval!

Um dia importante para a Aviação Naval, hoje é comemorada a sua data de aniversário no qual completa 102 anos de existência. Parabéns Marinha do Brasil, parabéns aos bravos militares que ajudam e ajudaram nesta história!

História da Aviação Naval

A história da Aviação Naval brasileira iniciou-se em 1916 com a criação da Escola de Aviação Naval, na cidade do Rio de Janeiro (RJ). O pioneirismo no emprego de aeronaves militares no Brasil, em prol da segurança e do desenvolvimento nacional, contribuiu para o desbravamento das rotas aéreas e em operações de patrulha em defesa do litoral e áreas fronteiriças.

A AVIAÇÃO NAVAL HOJE

A construção do Complexo Aéreo Naval em São Pedro da Aldeia, RJ, que sedia o Centro de Instrução e Adestramento Aeronaval – CIAAN; a aquisição de unidades aéreas; a incorporação do porta-aviões “Minas Gerais”, já desincorporado, e posteriormente do “São Paulo”, são exemplos de fatos na história da aviação da Marinha do Brasil.

Atualmente, a Aviação Naval é composta, basicamente, do Comando da Força Aeronaval, sediada em São Pedro da Aldeia, à qual estão subordinadas a Base Aérea Naval de São Pedro da Aldeia, o Centro de Instrução e Adestramento Aeronaval, a Policlínica Naval de São Pedro da Aldeia, o Depósito Naval de São Pedro da Aldeia, cinco Esquadrões de Helicópteros e um Esquadrão de Aviões, e de mais três Esquadrões de Helicópteros sediados um em Manaus, subordinado ao Comando Naval da Amazônia Ocidental, um em Ladário, subordinado ao Comando do 6° Distrito Naval e mais um subordinado ao 5° Distrito Naval.

Além dos exercícios operativos que realizam com os nossos fuzileiros navais ou embarcados nos navios da Esquadra e das Forças Distritais, os helicópteros também participam de comissões hidrográficas em navios da Diretoria de Hidrografia e Navegação, nas Operações Antárticas e, ainda, em diversas missões de apoio, destacando-se as de caráter humanitário, tais como as de busca e salvamento e as de transporte em programas sociais do governo federal.

Missões da Aviação Naval

  • Defesa Aérea da Esquadra, desempenhada por aviões de caça e aeronaves de alerta antecipado, baseados em porta-aviões;
  • Ataque Marítimo, desempenhada por caça-bombardeiros, bombardeiros e helicópteros de ataque anti-superfície e anti-submarino, baseados em navios ou em terra;
  • Patrulha Marítima, desempenhada por aviões de patrulha marítima de longo raio de ação, com capacidade anti-submarina, normalmente baseados em terra;
  • Busca e Salvamento, desempenhada por helicópteros e aviões de busca e salvamento marítimo, baseados em navios ou em terra;
  • Operações Anfíbias, desempenhada por helicópteros de transporte de assalto e de ataque e por caça-bombardeiros embarcados.

Por Luiz Camões
Fonte: Marinha do Brasil
Imagens: Internet/Marinha do Brasil



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here
Enter the text from the image below