Administração Nacional de Segurança Nuclear planeja reiniciar programa de substituição das ogivas termonucleares

Google News

A Administração Nacional de Segurança Nuclear dos EUA (NNSA) planeja reiniciar o programa de substituição das ogivas termonucleares W78. O programa, que será realizado a partir de 2019 e se estenderá até 2041, vai custar algo entre U$S 10/15 bilhões. A ogiva W78, é uma das duas ogivas que equipam os mísseis balísticos intercontinentais Minuteman-III que a Força Aérea dos EUA, possui em seu inventário. O Pentágono também está considerando a utilização das ogivas W78 nos mísseis balísticos instalados em submarinos.

Leia também: 


Segundo relatório divulgado recentemente, a NNSA e a Secretaria de Defesa dos EUA, veem tentando modernizar as ogivas W78 durante dez anos, mas em 2014 o programa foi suspenso. De acordo com o Pentágono, o reinício do programa está ligado à necessidade de garantir a segurança do arsenal nuclear dos EUA. “A NNSA e a Secretaria da Defesa dos EUA realizam programas para aumentar a vida útil, renovar e substituir os componentes das armas nucleares, de maneira a prolongar o período de exploração dessas armas e garantir maior segurança e proteção do arsenal nuclear”, diz uma das partes do relatório.

*Com informações de agências de notícias internacionais



Receba nossas notícias em tempo real nos seguindo pelos aplicativos de mensagem abaixo:

Assine nossa Newsletter


Receba todo final de tarde as últimas notícias do DefesaTV em seu e-mail, é de graça!

Assista nosso último episódio:


DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here