Agência Internacional de Energia Atômica confirma que Irã segue violando acordo nuclear de 2015

blank

Segundo relatório publicado na sexta-feira (30) pela International Atomic Energy Agency (Agência Internacional de Energia Atômica – AIEA),  afirma que o Irã continua a violar os termos do acordo nuclear firmado em 2015 com as potências do grupo P5+1.

De acordo com o documento que foi distribuído para os Estados-membros do órgão, onde à agência AP teve acesso, o estoque de urânio pouco enriquecido do Irã ainda excede o limite permitido pelo chamado Plano Conjunto de Ação Integral (JCPOA), assinado há quatro anos por Irã, Alemanha, China, Estados Unidos, França, Reino Unido e Rússia.

​O JCPOA estabelece um teto de 3,67% de enriquecimento para o urânio iraniano. Mas, atualmente, segundo a AIEA, o país estaria enriquecendo urânio a 4,5%. Tais violações foram anunciadas pelo próprio governo iraniano e confirmadas pela AIEA no último mês.

Elas têm como objetivo pressionar os signatários do acordo a fornecer novos incentivos econômicos para ajudar a equilibrar os danos provocados pelas novas sanções adotadas pelos EUA, país que deixou unilateralmente o Plano Conjunto de Ação Integral no ano passado.

  • Com agências internacionais

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here