Alunos participam de oficina de ‘Primeira Intervenção em Eventos Críticos’

Os alunos do Curso de Formação Profissional (CFP2019) da Polícia Rodoviária Federal (PRF) participaram de uma oficina de “Primeira Intervenção em Eventos Críticos”. O objetivo é preparar o policial para aplicar procedimentos, visando estabilizar e controlar crises, nas rodovias federais e áreas de interesse da União.

A oficina foi executada dentro da disciplina de Técnicas de Abordagem (TAB), dedicada à realização de simulado de abordagem policial. Quatro alunos vivenciaram, na condição de policiais, e o restante da turma observava o desencadear da situação. A cada interrupção do simulado, a equipe de policiais era substituída, para que todos pudessem vivenciar a simulação.

A situação crítica escolhida simulava uma tomada de refém em um ônibus. A ocorrência teria sido motivada por uma pessoa mentalmente perturbada que, após ser despedida do emprego, fez um passageiro refém, para chamar a atenção do seu patrão.

A aprendizagem foi sendo construída a partir de ações e decisões que eram tomadas pelos policiais. A simulação buscava explorar como o policial deve agir ao se deparar com esse tipo de ocorrência, ressaltando a necessidade de não agravar a crise.

A oficina foi dividida em três momentos: aproximação e posicionamento; negociação e a resolução da crise. O conteúdo foi trabalhado de forma interdisciplinar. Policiamento e Fiscalização (PLF) apresentou a doutrina em sala de aula, enquanto a condução da oficina prática foi feita em conjunto com instrutores de TAB.

A doutrina cita como exemplos de crises os acidentes com múltiplas vítimas, com produtos perigosos, suicídio, incêndio de grandes proporções, grandes manifestações, ocorrências com reféns, entre outros.

Fonte: Agência PRF