Atritos entre milícias separatista e nacionalista na Ucrânia causaram 3 mortes entre militares em Donbass

blank
Imagem ilustrativa com foto via STF Analysis & Intelligence & Ucranian MoD.

Google News

Desde o início desta semana, a situação na região de Donbass piorou significativamente.

De acordo com a Milícia Nacional do DPR, as forças ucranianas cometeram 8 provocações com disparos de fogo real, enquanto o comando ucraniano afirmou que as forças da DLPR violaram o cessar-fogo 17 vezes.

Nesse dia 13 de abril, os dois lados do conflito militar no leste da Ucrânia relataram a morte de alguns de seus soldados.

Em sua atualização diária sobre a situação na linha de frente, o Comando Ucraniano da Operação de Forças Conjuntas relatou a morte de dois militares em dois ataques separados.

O primeiro incidente teria ocorrido nos subúrbios ao norte de Donetsk, perto das aldeias de Pisky e Kamenka. Essas áreas estão sob o controle de 72 brigadas mecanizadas separadas e 58 brigadas de infantaria mecanizadas separadas.

A UAF afirmou que as forças inimigas abriram fogo com metralhadoras de grande calibre e armas de fogo. Como resultado, um soldado das Forças Armadas da Ucrânia foi mortalmente ferido.

Outro soldado ucraniano teria morrido em consequência de um ataque de drones perto da aldeia de Majorsk, no sul da região.

De acordo com relatos  da UAF; “O UAV  inimigo cruzando a linha de contato realizou um ataque nas posições de nossas unidades, que resultou em um soldado gravemente ferido.”
Outros 2 soldados ucranianos também teriam ficado feridos. Os militares receberam prontamente cuidados médicos.
Nenhuma informação adicional foi fornecida ainda.

Por outro lado, de acordo com representantes da República Popular de Luhansk no Centro Conjunto de Controle e Coordenação, um soldado da Milícia Popular LPR foi morto a tiros por atiradores ocultos ucranianos em 12 de abril. O incidente ocorreu na área da aldeia de Zolotoe -5 (Mikhailovka), perto da cidade de Pervomaisk.

blank

Entre outros acontecimentos recentes na região:

– As forças do DPR alvejaram posições da UAF perto da aldeia de Zaitseve usando morteiros, IFVs e armas menores
– DPR força posições UAF em Pisky com metralhadoras
– A UAF mirou na aldeia perto de Gagarina e nas minas 6/7.
– A UAF mirou na vila de Bairak com lançadores de granadas e armas menores
– Em 12 de abril, as forças LPR alvejaram com granadas e armas pequenas as posições da UAF perto da aldeia de Zolote-4

Abaixo, vídeo da imprensa alemã, relatando os grandes receios de uma participação da Rússia no conflito, mesmo que inicialmente apenas apoiando os separatistas de Donbass:

  • Com informações STF Analysis & Intelligence, Ucranian MoD e AFP via redação Orbis Defense Europe.



Receba nossas notícias em tempo real nos seguindo pelos aplicativos de mensagem abaixo:

blank

Assine nossa Newsletter


Receba todo final de tarde as últimas notícias do DefesaTV em seu e-mail, é de graça!

Assista nosso último episódio: