BAE Systems integrará propulsão elétrica híbrida em um veículo de combate Bradley

A empresa de defesa BAE Systems fechou um contrato no valor de US$ 32 milhões com a Agência de Recursos Rápidos e Tecnologias Críticas (Rapid Capabilities and Critical Technologies Office, RCCTO) do Exército dos EUA para integrar um sistema de propulsão elétrica híbrida (Hybrid Electric Drive, HED) em um veículo protótipo de combate Bradley.

O programa de desenvolvimento faz parte do esforço do exército para aumentar a eficiência do veículo e melhorar a geração de energia para apoiar a integração de tecnologias futuras e maior mobilidade em veículos de combate no campo de batalha.

A BAE Systems e sua parceira QinetiQ usarão um veículo de combate Bradley existente como plataforma de testes para integrar a tecnologia de HED com a arquitetura de energia e eletricidade de veículos de combate e o programa de desenvolvimento de recursos de mobilidade. O trabalho de integração começará neste trimestre.

“Integrar um sistema de propulsão elétrica híbrida em veículos de combate aumenta amplamente a energia integrada e proporciona um aumento significativo na mobilidade, em opções de letalidade e alcance, tudo isso possibilitando recursos operacionais superiores”, disse Scott Davis, vice-presidente da linha de produtos de veículos terrestres da BAE Systems.

“A BAE Systems investe e colabora com a indústria há mais de 40 anos para avançar a tecnologia de HED e desenvolver arquiteturas e demonstradores de veículos. Uma abordagem de sistemas propulsão elétrica de veículos permite recursos inovadores nas plataformas atuais e futuras que nossos combatentes precisam para manter a superioridade no campo de batalha”.

Os sistemas de HED também melhoram o desempenho automotivo e fornecem mobilidade com o sistema de controle eletrônico drive-by-wire para possibilitar autonomia, além de aumentar a geração de energia.

Com pequenas modificações de plataforma, a tecnologia HED pode ser configurada para vários veículos, incluindo o Bradley, o veículo multiuso blindado, os obuseiros autopropulsados M109A7 e a família de sistemas de lançamento de foguetes múltiplo-calibre (Multiple Launch Rocket Systems).

A QinetiQ está desenvolvendo a transmissão elétrica cruzada (Modular E-X-Drive®), um componente-chave de um sistema de HED para veículos de combate sobre lagartas. O Modular E-X-Drive da QinetiQ foi testado e aprovado em uma ampla gama de veículos sobre lagartas de diversas classes de peso durante a última década.

Os projetos passaram por testes abrangentes de laboratório e em veículos, incluindo certificações de segurança. A BAE Systems e a QinetiQ têm uma relação de longa data no desenvolvimento de tecnologias de HED para veículos.

As atividades de engenharia do sistema de HED ocorrerão principalmente nas instalações da BAE Systems de Sterling Heights, Michigan, e San Jose, Califórnia. A construção está planejada para ser concluída na oficina de protótipos da BAE Systems em Sterling Heights.

  • Com informações da BAE Systems


Receba nossas notícias em tempo real pelos aplicativos de mensagem abaixo:

Assine nossa Newsletter


Receba todo final de tarde as últimas notícias do DefesaTV em seu e-mail