Boeing B-52 Stratofortress: Uma lenda ainda em operação

O Boeing B-52 Stratofortress é um bombardeiro estratégico sub-sónico de longo raio de ação, propulsionado por oito motores a jato, o qual fora concebido para ser o substituto do Convair B-36 Peacemaker na função de bombardeiro nuclear e convencional de grande altitude.

Iniciou a atividade operacional na Força Aérea dos Estados Unidos (USAF), em fevereiro de 1955, atuando em todos os conflitos nos quais os EUA se envolveram.

Mais de 60 anos após o seu primeiro voo, ele continua sendo fruto de sucessivas modificações e atualizações, pois ainda se mantem uma versátil plataforma persuasão. A aeronave está apta a desempenhar uma grande variedade de missões.

Durante o período da guerra fria, desempenhou papel de extrema relevância na dissuasão nuclear dos Estados Unidos, mantendo um contínuo estado de alerta em voo, armado com armas nucleares, porém as mais de cinco décadas de serviço na linha da frente são sem dúvidas, sua maior faceta.

Provavelmente, esta extraordinária longevidade, e de acordo com os planos da Força Aérea, irá mantê-lo até 2040 em operação, e para que tal aconteça as unidades ainda operacionais começaram a ser submetidas a programas de modernização e extensão de sua vida útil.

Entre as atuais tripulações, é usual ouvir dizer-se que ainda não nasceu o último piloto que assumirá os seus comandos. Neste belo vídeo, dar-se uma clara ideia de como é ser um piloto de B-52.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here
Enter the text from the image below