Boeing e Embraer negocia venda do KC 390 com cinco países, revela Mark Bellew, diretor de vendas e marketing da Boeing

A Boeing e a Embraer estão negociando com cinco países para a venda da aeronave KC-390, onde pelo menos dois destes países abriram conversa desde que foi anunciado a joint venture entre as empresas, revelou Mark Bellew, diretor de vendas e marketing da International Government Services da Boeing Global Services no último dia 18. O programa de desenvolvimento do KC-390 teve inicio no ano de 2009, mas fora somente em 2016 que um acordo de cooperação, marketing global e manutenção com a Boeing foi assinado. A parceria se aprofundou mais quando, a Boeing e a Embraer concordaram em formar uma joint venture para a comercialização do KC-390. A Boeing também concordou em adquirir 80% dos negócios de aviação comercial da Embraer e assim estabelecer uma joint venture separada. 

Ambos os acordos estão previstos para serem finalizados este ano, dependendo apenas da aprovação do governo brasileiro. Mas a Boeing já está envolvida na comercialização do KC-390 sob o acordo de 2016. “Neste momento, são cinco os países com os quais estamos conversando – países bastante sólidos”, disse Mark Bellew, sem revelar quais seriam os países. “Os cinco países vão além dos acordos originais de parceria da Embraer com os governos da Argentina, Chile, Colômbia, República Tcheca e Portugal (…) E nós temos alguns novos que, nos vieram perguntar mais detalhes sobre a aeronave ultimamente”, disse Bellew.  O KC-390 está programado para entrar em serviço este ano junto a Força Aérea Brasileira, que encomendou 28 unidades.

  • Com informações do site Aviation Week
  • Tradução e Adaptação: DefesaTV

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here
Enter the text from the image below