Boeing entrega primeiro KC-46A Pegasus para a Base da Força Aérea em Altus

A Boeing entregou o seu quinto KC-46A Pegasus à Força Aérea dos EUA e o primeiro que será baseado na Base Aérea de Altus, Oklahoma. O KC-46 foi enregue ao 56º Air Refueling Squadron que será responsável pela tripulação, manutenção e treinamento de suporte. “Estamos felizes em ver o Pegasus chegar à Oklahoma. A Boeing como sempre, se mostra a grande parceira das forças armadas americanas (…) Estamos ansiosos para continuarmos a entregar outros KC-46 para as Bases Aéreas de Altus, de McConnell (Kansas) e para a Base da Guarda Aérea Nacional de New Hampshire Pease, durante todo este ano”, revelou Leanne Caret, presidente e CEO da Boeing Defense, Space & Security.

O 56º ARS foi ativado em agosto 2016 em preparação para o recebimento do novo reabastecedor. Três aeronaves KC-46A serão entregues à Altus nas próximas semanas.  “O ’97º’ está ansioso para aceitar e integrar o KC-46 em nossa missão”, disse o Coronel Eric Carney, Comandante da 97ª Ala de Mobilidade Aérea da Base da Força Aérea em Altus. “A 97ª AMW tem e continuará a produzir pilotos, loadmasters e operadores de sonda com capacidade de combate para os KC-135, C-17 e KC-46 e continuamos comprometidos em inovar como os treinamos para fazer parte de um força conjunta para vencer as guerras de nossa nação. ”

Durante os extensos testes até agora, seis aeronaves KC-46 completaram mais de 3.800 horas de voo e descarregaram mais de quatro milhões de libras de combustível para aeronaves: A-10, AV-8B, B-52, C-17, KC-10, KC-135, KC-46, F-15E, F-16 e F / A-18. Os primeiros quatro KC-46 multi-funções foram entregues em janeiro a Base Aérea McConnell em Wichita, Kansas. A Boeing tem atualmente sob contrato 52 dos 179 reabastecedores esperados para a Força Aérea. O KC-46, é derivado da aeronave comercial 767, e estão sendo construído na fábrica de Everett, Washington. A Boeing recebeu seu contrato inicial em 2011 para projetar e desenvolver um novo avião-tanque para a Força Aérea.

  • Com informações da Boeing Co.
  • Tradução e Adaptação: DefesaTV


1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here
Enter the text from the image below