“Forças Armadas são responsáveis pode decidir se há democracia ou ditadura em um país”, afirma Bolsonaro

Segundo o presidente, "temos liberdade ainda", graças aos militares, mas "tudo pode mudar" em referência a Fernando Haddad caso tivesse vencido em 2018

Foto: Marcos Corrêa/PR

Google News

O presidente da República, Jair Bolsonaro, afirmou nesta segunda-feira (18), que as Forças Armadas são as responsáveis por decidir se há ou não democracia e/ou ditadura em um País.

Bolsonaro declarou ainda que, as Forças Armadas nos últimos anos foram “sucateadas” como parte de um objetivo de implementar o regime socialista no Brasil.  Ele aproveitou para lembrar que seu governo está há dois anos sem corrupção e reiterou críticas ao governo venezuelano.

“O pessoal parece que não enxerga o que o povo passa, pra onde querem levar o Brasil, para o socialismo. Por que sucatearam as forças armadas ao longo de 20 anos? Porque nós, militares, somos o último obstáculo para o socialismo”, afirmou o presidente na saída do Palácio da Alvorada.

“Quem decide se o povo vai viver em uma democracia ou ditadura são as suas Forças Armadas. Não tem ditadura onde as Forças Armadas não a apoiam”, declarou o presidente. Ele enfatizou que “temos liberdade ainda”, mas “tudo pode mudar” (em referência a Fernando Haddad, seu adversário nas eleições de 2018, caso tivesse ganhado).

“No Brasil, temos liberdade ainda. Se nós não reconhecermos o valor destes homens e mulheres que estão lá, tudo pode mudar. Imagine o Haddad no meu lugar. Como estariam as Forças Armadas com o Haddad em meu lugar?”, questionou Bolsonaro.

  • Com agências nacionais


Receba nossas notícias em tempo real nos seguindo pelos aplicativos de mensagem abaixo:

Assine nossa Newsletter


Receba todo final de tarde as últimas notícias do DefesaTV em seu e-mail, é de graça!

Assista nosso último episódio: