Caça da Força Aérea Etíope (EAF) é abatido por rebeldes Tigray

blank
Imagem ilustrativa com arte de Diana Deschapesieux O.D. Europe.

Debretsion Gebremichael, líder da Frente de Libertação do Povo Tigray (TIPLF), anunciou em 29 de novembro que suas forças derrubaram um avião de guerra da Força Aérea Etíope (EAF) e capturaram o piloto.

Em uma mensagem à agência de notícias Reuters e por divulgação em redes sociais, Gebremichale afirmou que o piloto “estava em uma missão para bombardear”.

A região norte de Tigray está sob ataque das Forças de Defesa Nacional da Etiópia (ENDF) desde 4 de novembro. A operação foi lançada em resposta a um ataque da TIPLF a bases militares da região.

Um dia antes, o primeiro-ministro da Etiópia, Abiy Ahmed, disse que as operações militares em Tigray foram concluídas e as tropas do governo controlaram a capital regional, Mekelle .

O anúncio do PM Abiy foi rejeitado pelo TIPLF, cujo líder prometeu continuar a luta contra o governo. As forças do governo etíope teriam lançado uma “caça ao homem” contra o líder.

O conflito em Tigray, que não parece estar chegando ao fim, já custou a vida de 611 pessoas. Mais de 44.000 outras pessoas foram deslocadas para o vizinho Sudão.

A TV Tigray compartilhou imagens do local onde o avião de combate, um Mig-23, caiu. Sabe-se que dez jatos desse tipo estão em serviço com a EAF. Os moradores de Tigray também postaram fotos do piloto capturado nas redes sociais.

blank
Fonte: https://news.trust.org/item/20201129174902-maw2w/
  • Com informações STF Analisys & Intelligence, TV Tigray e Reuters via redação Orbis Defense Europe.