Capitania dos Portos do Rio de Janeiro divulga balanço da “Operação Verão 2018/2019”

A Marinha do Brasil (MB), por meio do Comando do 1º Distrito Naval e da Capitania dos Portos do Rio de Janeiro (CPRJ), informa que o balanço final da que ocorreu no período entre 21 de dezembro de 2018 a 10 de março de 2019, nas águas interiores e no litoral do Estado do Rio de Janeiro, alcançou a marca de 21.053 abordagens em embarcações de esporte e recreio e transporte de passageiros, resultando em 1.371 notificações e 99 apreensões. Na Operação Verão anterior (2017/2018), foram registradas 16.310 abordagens, 1139 notificações e 150 apreensões.

Nos dois meses e meio da Operação Verão, a CPRJ e suas Organizações Militares subordinadas, localizadas em São João da Barra, Macaé, Cabo Frio, Itacuruçá, Angra dos Reis e Parati, contaram com o aumento de 50% de suas Equipes de Inspeção Naval, atuando, simultaneamente, por terra e por mar, utilizando lanchas, motoaquáticas e viaturas, cobrindo as áreas de prática de atividades náuticas e proporcionando o incremento da segurança da navegação. Além disso, a Operação contou, ainda, com o apoio das equipes da “Lei Seca” do Governo do Estado do Rio de Janeiro, que atuou em conjunto na Operação “Lei Seca no Mar”, realizando, também, palestras educativas em diversos clubes náuticos e marinas.

As infrações mais observadas foram: embarcações sem inscrição no Sistema de Segurança do Tráfego Aquaviário, condutores não habilitados, ausência de equipamentos de salvatagem e de documentos a bordo. A CPRJ ressalta que, embora a Operação Verão tenha terminado, a MB mantém equipes realizando atividades de inspeção naval, bem como equipes de Busca e Salvamento (SAR) de prontidão com navios, aeronaves e embarcações para os casos de necessidade de atuação ou apoio a outros órgãos.

A Capitania incentiva a todos os cidadãos a colaborarem com a fiscalização, entrando em contato telefônico pelo número 185, em casos de emergência marítima; ou enviando informações para o disque denúncia (21) 2104-5480 e  WhatsApp (21) 97299-8300. Com o propósito de tornar as denúncias mais efetivas, possibilitando a correta identificação dos infratores, solicita-se o envio, se possível, do nome ou do número de registro da embarcação (foto), bem como do local e do horário da ocorrência. 



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here
Enter the text from the image below