Centro Conjunto de Operações de Paz do Brasil realiza cerimônia de passagem de comando

O Centro Conjunto de Operações de Paz do Brasil (CCOPAB), realizou no dia 12 de fevereiro cerimônia de passagem de comando, onde o Capitão de Mar e Guerra (FN) Elder Vaz, comandante Interino, entregou o cargo de comandante ao Coronel de Engenharia do Exército Brasileiro (EB), Márcio Carneiro Barbosa.

O evento que fora presidido pelo Subchefe de Operações de Paz (SC-4) do Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas (EMCFA), General de Divisão Rolemberg Ferreira da Cunha, teve um caráter único, que se perpetuará na história deste Centro Conjunto, já que pela primeira vez um Oficial da Marinha do Brasil, mesmo que interinamente, comandou uma unidade do EB.

Estiveram presentes na cerimônia o Contra-Almirante Renato Rangel Ferreira, Comandante do Centro de Instrução Almirante Sylvio de Camargo, Diretor de Educação Técnica Militar (DETMil) do Exército Brasileiro, General de Brigada Luís Cláudio de Mattos Basto, General de Brigada Marco Antônio Estevão Machado, Comandante do Grupamento de Unidades Escola / 9ª Brigada de Infantaria Motorizada e o General de Brigada (R1) Walter Nilton Pina Stoffel, Assessor especial da DECEx.

Os Familiares dos Comandantes sucedido e sucessor, Comandantes de Organizações Militares da Guarnição do Rio de Janeiro, integrantes da Marinha do Brasil e da Força Aérea Brasileira também prestigiaram o evento, confirmando o lema da Casa do Soldado da Paz: “INTEGRAÇÃO!”.

Além dos acima mencionados, estiveram presentes: o Embaixador Eduardo Prisco, Chefe do Escritório do Itamaraty no Rio de Janeiro; o Sr Scott Hamilton, Cônsul dos Estados Unidos da América; o Sr Jesse Levinson, Chefe da Seção Política e Econômica do Consulado Geral dos EUA no RJ; o Coronel Jim Fitzgerald, Adido do Canadá; o Sr Wanderlei Braga, Presidente da Associação dos Integrantes do Batalhão Suez; e o Sr Jorge Rangel, Presidente da FAIBRAS (Força Armada Interamericana do Brasil), além de, oficiais de nações amigas e de forças auxiliares.

A formatura contou com presença dos militares do CCOPAB e culminou com o desfile da tropa em continência ao Coronel de Engenharia Márcio Carneiro Barbosa, novo Comandante do Centro Conjunto de Operações de Paz do Brasil.

Sobre o CCOPAB

Ao ser criado, no ano de 2001, pela Divisão de Missão de Paz do COTER, o Centro de Preparação e Avaliação para Missões de Paz do Exército Brasileiro (CEPAEB), teve como missão, orientar o preparo de todos os militares brasileiros designados para integrarem Missões de Paz.

A Resolução 44/49, da Assembléia Geral das Nações Unidas – ASNU, de 08 de dezembro de 1989, sobre a “Revisão Abrangente da Questão das Operações de Paz em Todos os seus Aspectos”, encorajou os Estados-Membros a organizarem-se no estabelecimento de programas de treinamento para militares e pessoal civil, tendo em vista seu emprego em operações de paz.

Em decorrência de vários eventos e face a crescente mobilização internacional dos países-membros no sentido de criar estruturas que possibilitem a prática e a disseminação dos procedimentos e normas vigentes nas missões de paz, o Exército Brasileiro, o mais expressivo tributário no âmbito da Forças Armadas Brasileiras este tipo de missão, criou, por meio da Portaria do Comandante do Exército Nr 090, de 23 de fevereiro de 2005, o Centro de Instrução de Operações de Paz.

Em 15 de junho de 2010, a portaria nº 952-MD, de mesma data, designa o Centro de Instrução de Operações de Paz (CIOpPaz), do Exército Brasileiro para a preparação de militares e civis brasileiros e de nações amigas a serem enviados em missões de paz e altera a sua denominação, para Centro Conjunto de Operações de Paz do Brasil (CCOPAB).

Este slideshow necessita de JavaScript.

  • Com informações e fotos: CCOPAB