Centro de Avaliações do Exército realiza avaliação operacional do Fuzil de Assalto IMBEL 7,62 IA2

O Centro de Avaliações do Exército (CAEx) realizou entre os dias 14 e 18 outubro, na cidade de Petrolina (PE), testes operacionais com o Fuzil de Assalto 7,62 IA2 IMBEL, sendo este apoiado pelo 72º Batalhão de Infantaria Motorizado (72º BI Mtz), organização militar empregada, também, em área de caatinga.

A avaliação operacional tem, como escopo, teste de material militar por tropa no respectivo ambiente de combate e é precedida por avaliação, no CAEx, em área controlada, por técnicos e engenheiros militares especializados nesse tipo de material, em conformidade com normas de Engenharia do Exército Brasileiro.

Participaram da atividade um major de Infantaria e um capitão Engenheiro Militar (ambos do CAEx); um primeiro-tenente Engenheiro Militar e um técnico da Indústria de Material Bélico do Brasil (da IMBEL); e um primeiro-tenente e cinco cabos e soldados do 72º BI Mtz.

O IA2 é o primeiro fuzil com tecnologia 100% nacional, possui diferenciais de qualidade em relação a seu antecessor nas Forças Armadas, o Fuzil Automático Leve 7,62 (FAL), e está sendo produzido pela Indústria de Material Bélico do Brasil (IMBEL), em Itajubá (MG).

  • Fonte: CAEx


Receba nossas notícias em tempo real nos seguindo pelos aplicativos de mensagem abaixo:

Assine nossa Newsletter


Receba todo final de tarde as últimas notícias do DefesaTV em seu e-mail, é de graça!

Assista nosso último episódio:


3 COMENTÁRIOS

  1. Sem nenhuma análise tecnica, visualmente, o corpo de fuzil pareceu um “trambolho” que dificulta firmar mão. Muito grande para ser um fuzil de assalto. Tamanho ideal seria do MP-40. Me pareceu uma máscara no desatualizado e obsoleto FAL

    • Como que um 7.62 vai ser pequeno??
      Mas mesmo assim possui a corona rebatível que diminui o tamanho em necessidade de movimentação. O projeto é moderno e 100% nacional, palmas aos idealizadores do projeto e que se expanda para outros materiais bélicos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here