Cientista brasileira da AEB participa de projeto EuroMoonMars

O último treinamento da campanha e projeto de pesquisa EuroMoonMars in Hi-Sea, da Agência Espacial Europeia (ESA), começou no último domingo (08.12), no Havaí (EUA). Na equipe composta por seis pessoas de várias nacionalidades, sendo cinco mulheres, está a brasiliense Ana Paula Castro Nunes que recebe o apoio da Agência Espacial Brasileira (AEB).

A equipe atua em diversas áreas do conhecimento e irá viver de 8 a 22 de dezembro uma experiência diferente de tudo que já viveu, ou seja, uma missão lunar simulada. A engenheira pretende passar as experiências e oportunidades a outros estudantes brasileiros, mostrando que eles podem participar de grandes projetos.

“Ser uma astronauta de simulação vai me permitir experimentar como é viver na Lua ou em Marte, pois o espaço me dá uma perspectiva muito realista e ampla sobre a vida na terra”, afirmou Ana Paula que comemora a participação das mulheres na tripulação.

 

A campanha e projeto de pesquisa EuroMoonMars in Hi-Sea, da Agência Espacial Europeia (ESA), teve início no dia 8 de dezembro no Havaí (EUA). Na equipe que participará do treinamento estará a brasiliense, Ana Paula Castro, engenheira espacial, que recebeu o apoio da Agência Espacial Brasileira (AEB), e trabalhará na missão com engenharia de habitat.

A equipe formada por profissionais de várias partes do mundo – Eslováquia, Holanda, Áustria, Brasil, Estados Unidos e Alemanha – utilizará o habitat localizado no vulcão de Mauna Loa, na Grande Ilha do Havaí, a aproximadamente 2.500 metros acima do nível do mar. As condições nesse ambiente são bastantes similares ao planeta Marte e à Lua.

Com informações da AEB.