CIGS realiza Diplomação e Brevetação de novos Guerreiros de Selva que comprovam o brado “A Selva nos une!”

O Centro de Instrução de Guerra na Selva (CIGS), realizou no último dia 27 de setembro, solenidade alusiva a Diplomação e Brevetação de 72 novos “Guerreiros de Selva”, os quais descobriram na prática, o real significado de um brado muito usado na região: “A Selva nos une!” e “Tudo pela Amazônia”. O curso, teve início no dia 13 de julho com 92 alunos e teve a duração de 12 semanas de treinamentos intensos nas bases de Instruções do CIGS.

As atividades foram divididas em três fases:

Vida na selva;

Técnicas especiais; e

Operações (quando os alunos integram todos os conhecimentos adquiridos para planejar, comandar e participar de missões operacionais na Selva).

Durante a Diplomação foram concedidos Certificados aos concludentes, bem como o título de “Melhores Companheiros”, eleitos pelos próprios colegas, ao aluno 31 do COS “B”, Cadete de Infantaria Cícero Luciano Olinger (Academia Militar das Agulhas Negras), e ao aluno 53, Segundo-Sargento de Infantaria Carlos Henrique Soares Evangelista (da CIaCom da 16ª Bda Inf Sl). Outro momento marcante da cerimônia foi o descerramento da placa com o nome de todos os concludentes.

À noite, a solenidade de Brevetação contou com a presença do General de Divisão Carlos Alberto Mansur, Comandante da 12ª Região Militar; de outros oficiais-generais, incluindo o comandante da AMAN, e demais autoridades civis e militares, comandantes de organizações militares, ex-integrantes, antigos militares e pioneiros do CIGS, conhecidos como os ‘‘Velhas Onças’’, além das famílias e de amigos dos concludentes. Foram escolhidos, como destaques-geral dos cursos, o aluno 26 do COS “B”, Cadete de Infantaria Matheus de Lima Gil Vieira (AMAM), e o aluno 72 do COS “C”, Terceiro-Sargento de Infantaria Jefferson Maia Fernandes (54º BIS).

Ao longo de seus 54 anos de existência, o CIGS se orgulha de ter formado 6.398 militares combatentes de selva, devido ao trabalho daqueles que antecederam a atual geração e da atual equipe que atua com profissionalismo, competência e comprometimento durante todo transcorrer do treinamento, fato atestado pelos concludentes dos Cursos de Operações na Selva 18/3, categoria “B” para Oficiais e 18/4, categoria “C”, para Subtenentes e Sargentos.

Fonte e Fotos: Centro de Instrução Guerra na Selva, Via Agência Verde-Oliva





Assine nossa Newsletter


Receba todo final de tarde as últimas notícias do DefesaTV em seu e-mail

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here