CONTROLE  DE  TRÁFEGO  AÉREO – DECEA  inaugura  Projeto  LANDELL 

blank

blankO Departamento de Controle do Espaço Aéreo (DECEA), situado no Rio de Janeiro (RJ), por meio do Sistema de Controle do Espaço Aéreo Brasileiro (SISCEAB), conduz a concepção e a implementação de diversos empreendimentos do Programa SIRIUS Brasil, dentre os quais, se destaca o Projeto LANDELL – a nova era das Comunicações Aeronáuticas no Espaço Aéreo Continental Brasileiro. O projeto foi ativado, simultaneamente, nos Centros de Controle de Área de Recife (ACC-RE) e Amazônico (ACC-AZ), sediados, respectivamente nos Terceiro e Quarto Centros Integrados de Defesa Aérea e Controle de Tráfego Aéreo (CINDACTA III e IV) – em Recife (PE) e Manaus (AM).

Advinda de um conceito aplicado desde 2009 e operado pelo Centro de Controle de Área Atlântico (ACC-AO), a ferramenta de comunicação entre pilotos e controladores de tráfego aéreo por enlace de dados, chamada CPDLC (sigla em inglês para Controller Pilot Data Link Communications), acaba de ser trazida para a porção continental do Brasil. Uma cerimônia militar foi realizada e transmitida, ao vivo, para representantes de Instituições militares e civis e da comunidade aeronáutica que estiveram envolvidas em todo o processo de estruturação, desenvolvimento e implementação do projeto.

blankO Diretor-Geral do Departamento de Controle do Espaço Aéreo (DECEA), Tenente-Brigadeiro do Ar João Tadeu Fiorentini, falou da importância do mecanismo. “O sucesso deste empreendimento da Força Aérea Brasileira comprova que estamos estabelecendo um novo paradigma no cenário das comunicações trazendo maior segurança e operacionalidade para o Gerenciamento do Tráfego Aéreo nacional”, disse o Oficial-General.

O Comandante do CINDACTA III, Coronel Aviador Edson Luiz Vieira Neto, falou da contribuição do novo serviço. “O projeto contempla, neste primeiro momento, uma porção significativa da Região de Informação de Voo de Recife (FIR-RE) com uma implantação segura, porém desafiadora, que trará vários benefícios, como segurança operacional para aviação, redução da carga de trabalho dos pilotos e dos controladores, maior automação na troca de informações, melhor eficiência nas comunicações e redução de custos operacionais”, declarou.

blankJá o Comandante do CINDACTA IV, Coronel Aviador Alexander Santopietro de Sousa, falou da relevância do projeto. “É uma ferramenta para que possamos minimizar as diferenças e trazer mais eficiência e, principalmente, segurança para essa comunicação. Podemos dizer que o Projeto LANDELL, englobado pelo Programa SIRIUS, trará segurança e eficiência muito melhores do que as que já temos hoje, proporcionando um serviço de qualidade ainda melhor, como todos esperamos”, finalizou. 

Fotos: Luiz Eduardo Perez, Soldado Wesley, Fábio Maciel

 


blank

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here