Cruzador pesado da Marinha Imperial Japonesa é localizado no mar das Filipinas

blank

O cruzador pesado Maya repousa no leito do oceano a 1.850 metros de profundidade na costa de Palawan, nas Filipinas. O navio foi encontrado pela equipe de pesquisadores da Microsoft, a mesma que descobriu o Musashi.

Segundo a rede NHK, o cruzador Maya tinha como destino o golfo de Leyte, nas Filipinas, para atacar as forças americanas. Mas ele acabou surpreendido e foi atacado por um submarino norte-americano que o torpedeou, em outubro de 1944.

As imagens em vídeo gravadas por um equipamento não tripulado mostram claramente a embarcação naval como também os ideogramas gravados. O navio possuía uma forte blindagem e era muito bem armado. O Musashi, um couraçado, foi encontrado em 2015 pela mesma equipe, no fundo do mar nas Filipinas.

Kazushige Kodaka, diretor do Museu Yamato, em Kure (Hiroshima), especialista na história da Marinha Imperial Japonesa declarou que “essa descoberta é significativa para saber mais detalhes do que se passou na ocasião da Guerra do Pacífico”.

  • Fonte: NHK

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here