Delegação da Rússia visita a sede da PRF

O diretor-geral da Polícia Rodoviária Federal (PRF), Adriano Marcos Furtado, recebeu, na tarde desta quinta-feira (21), na Sede da PRF, em Brasília, a delegação do Ministério do Interior da Rússia. O vice-ministro, Igor Zubov, liderou a comitiva, acompanhado do embaixador, Sergey Akopov, do adido civil, Konstantin Korchagin, e outros integrantes do ministério e da embaixada russa no Brasil. O grupo conheceu o trabalho da PRF e os principais desafios enfrentados pela instituição.

IMG_0062-e1574441732671

Durante a visita, foram apresentados dados estatísticos de acidentes e mortes nas rodovias federais brasileiras e também dados comparativos sobre apreensões realizadas nos anos de 2018 e 2019. Os números causaram uma boa impressão aos visitantes. Eles ficaram impressionados com as inúmeras atribuições da PRF e com os resultados operacionais alcançados nos últimos anos.

“A Polícia Rodoviária Federal é a fiel defensora da segurança nas rodovias do Brasil.  Além de cuidar da circulação e segurança do tráfego nas rodovias, a PRF também atua no combate à criminalidade, em particular, ao tráfico de drogas e contrabando, obtendo excelentes resultados”, disse o vice-ministro do Interior da Federação Russa,  Igor Zubov.

Adriano Furtado destacou que essa aproximação da PRF com o governo russo é de extrema importância, proporcionando futuras parcerias, por meio de cooperação técnica, que irão beneficiar ambos os países. “Foi muito valiosa essa troca de experiência em monitoramento e policiamento rodoviário. O próximo passo será a assinatura do acordo de cooperação pelo ministro Sérgio Moro, que proporcionará uma série de interações, principalmente no campo do ensino, fortalecendo as instituições e oportunizando o aprendizado”, explicou o diretor.

IMG_0203-e1574441940191

Nesta sexta-feira (22), o ministro da Justiça e Segurança Pública do Brasil, Sérgio Moro, e o vice-ministro do Interior da Rússia, Igor Zubov, assinaram um acordo de cooperação bilateral cujo propósito é formar parcerias nas áreas de segurança viária, fiscalização e policiamento rodoviário. A Federação Russa, assim como o Brasil, estão investindo demasiadamente em tecnologias, organização, capacitação, fiscalizações e alterações legislativas. Esta colaboração entre os dois países, além de atender ao interesse público, fortalece as instituições que possuem o mesmo objetivo, reduzir o índice de violência no trânsito.

Moro-e1574521985290.jpg

O início das tratativas para a assinatura desse documento ocorreu durante a realização da Segunda Conferência Global de Alto Nível sobre Segurança no Trânsito, ocorrido em novembro de 2015, na capital federal.

Fonte: Agência PRF