Diretoria de Abastecimento da Marinha desenvolve novo uniforme para o pessoal embarcado

blank

A Diretoria de Abastecimento, desde 2017, vem desenvolvendo, por meio de estudos técnicos e prototipagem, um novo uniforme para o pessoal embarcado, em conjunto com o SENAI-CETIQT e apoio da iniciativa privada, dentro do espírito preconizado na Estratégia Nacional de Defesa e com foco na proteção do usuário.

A escolha do tecido foi fruto de extenso estudo do SENAI-CETIQT sobre as vantagens e desvantagens técnicas das opções existentes no mercado. Após análise do custo benefício, concluiu-se que o tecido mais adequado é um misto aramida/modacrílico que é resistente a chamas e não perde esta característica com a lavagem.

Além disso, é um tecido leve, resistente à abrasão, ao pilling, a rasgos e com grande solidez da cor, sendo mais confortável e de maior durabilidade que o algodão tratado. Este é o mesmo tecido que foi testado e aprovado para utilização nas embarcações da US Navy.

A modelagem do conjunto operativo seguiu as características do uniforme americano com algumas adaptações, sugeridas pelo SENAI-CETIQT e pela Alta Administração Naval, voltadas para atender às exigências das atividades operativas a bordo das embarcações da Marinha do Brasil (MB). Após a definição do tecido e da modelagem foram confeccionados protótipos nos quais se realizaram testes de flamabilidade em manequim instrumentado.

Os resultados obtidos, comparando-se com os testes do Macacão Azul-Ferrete (100% Algodão Tratado), indicaram que o Conjunto Operativo é melhor em termos de proteção ao usuário do que a opção atualmente em uso na MB.

Além de salvaguardar a integridade física do pessoal embarcado, no que se refere a fogo repentino, estes uniformes também oferecem proteção quanto ao arco elétrico, eventos que, embora pouco frequentes, trazem consequências que justificam a obrigatoriedade do seu uso.

  • Com informações do CCSM

4 COMENTÁRIOS

  1. A Marinha comprou macacão 93% Meta aramida, 5% Para aramida, 2% Antiestático e cancelou o contrato após a assinatura do mesmo. Estamos com o tecido e Aviamentos em estoque a 3 anos, como pode?

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here