Dois soldados da Legião Estrangeira esfaqueados auxiliando vítimas de assalto são homenageados

Imagem ilustrativa via Legião Estrangeira.

Dois soldados da Legião Estrangeira, que estavam de folga e à paisana e um amigo civil foram esfaqueados pelas costas, em Montpellier no dia 25 de julho, na Esplanada Charles de Gaulle junto ao Posto de Turismo.

O caso ocorreu na madrugada, quando os dois legionários da 13ª Demi brigade da Legião Estrangeira (DBLE) e um amigo civil prestavam os primeiros socorros à um casal de turistas espanhois gravemente agredidos na rua, vìtimas de um ataque violênto de pelo menos cinco jovens integrantes de gangues afroislâmicas, todos imigrantes ilegais e auto declarados refugiados.

A vice-presidente do comitê de defesa da Assembléia Municipal de Montpellier, Patricia Mirallès, havia visitado seu regimento no dia anterior junto com politicos da cidade. Comovidos com a situação dos três civis e dos dois militares feridos, os membros do comitê municipal de segurança e outras autoridades municipais prestaram homenagem a esses dois soldados, à Legião Estrangeira e ao amigo civil nessa sexta dia 07/08 na Prefeitura de Montpellier, durante solenidade oficial.

Esse ato de bravura é considerado excepcional em uma época de aumento da violência e de grandes polêmicas quanto à legìtima defesa pessoal na Europa, e, somente foi revelado ao pùblico recentemente devido às restrições das novas leis francesas, que impedem a divulgação de fatos policiais sem autorização governamental.

A cena foi filmada por câmeras de CFTV e acompanhada ao vivo por agentes do Centro de Supervisão Urbana -CSU, da Prefeitura de Montpellier, que imediatamente acionaram o alerta.

Patrulhas da Policia Municipal convergiram ao local e conseguiram localizar e prender rapidamente dois dos criminosos, identificados por videovigilância como tendo participado ativamente do ataque.

Dois dos criminosos estão presos e os outros cúmplices do ataque, três ou quatro jovens, conseguiram escapar.

Os dois presos são jovens, já fichados na Polícia e do Ministério Público de Menores, quando eram adolescentes. Um deles é um ex-menor desacompanhado, imigrante ilegal africano auto declarado refugiado, que està na lista de infratores reincidentes múltiplos.

As cinco vítimas foram ouvidas pela polícia do departamento de segurança de Hérault, neste sábado, na sua cama de hospital, em Lapeyronie, onde estão fora de perigo e recebem toda a assitência necessària.

  • Com informações da reportagem original de Patricia Mirallès para o Le Figaro e Actu.fr em 06/08/2020 via redação Orbis Defense Europe.


Receba nossas notícias em tempo real pelos aplicativos de mensagem abaixo:

 

Caso deseje conversar com outros usuários escolha um dos aplicativos abaixo:



Assine nossa Newsletter


Receba todo final de tarde as últimas notícias do DefesaTV em seu e-mail