Escola Superior de Guerra (campus Brasília) inicia fase presencial do Curso de Análise de Crises Internacionais

O objetivo do curso é capacitar especialistas para a realização de análise de crises internacionais, desenvolvendo habilidades interpretativas para aprofundar a compreensão da realidade política internacional contemporânea

blank

A Escola Superior de Guerra (ESG) campus Brasília deu início no dia 21 de junho, à fase presencial do CURSO DE ANÁLISE DE CRISES INTERNACIONAIS 2021 (CACI). Participam 47 alunos, sendo 23 militares das três Forças e Forças Auxiliares; 21 civis de diversos órgãos da administração pública federal e dos estados e três estrangeiros (México, Uruguai e República Democrática do Congo).

O CACI tem por objetivo capacitar especialistas para a realização de análise de crises internacionais, desenvolvendo habilidades interpretativas para aprofundar a compreensão da realidade política internacional contemporânea, com ênfase na área de Segurança Internacional.

Sua estrutura curricular compreende as Relações Internacionais, o Direito Público Internacional, a Economia Política Internacional, a Teoria de Crises Internacionais, os Modelos de Análise de Crises Internacionais e de Geopolítica.

A abordagem metodológica desenvolvida pela ESG para o curso, baseada na instrumentalidade, propicia experiência prática dos conteúdos estudados em diversos níveis de complexidade, configurando-se como um sistema de estudos, pesquisas e atividades, exigindo comprometimento individual e trabalhos em grupo.

Os discentes recebem conhecimento útil e atualizado ao exercício de cargos e de funções de analistas de política internacional e de inteligência, de formulador de cenários e de assessor internacional.

Destaca-se a especial atenção ao respeito aos protocolos de prevenção a COVID-19.