Estados Unidos monitoram atividades em base militar que estava desativada na Coreia do Norte

Subscribe
Voiced by Amazon Polly

A Coreia do Norte pode estar preparando o disparo de um míssil ou foguete – afirmou a rádio pública americana NPR, apoiando-se em imagens de satélite de um complexo situado perto de Pyongyang. A NPR obteve o material da empresa DigitalGlobe. Nas imagens, aparece o complexo de Sanumdong. Elas foram tiradas antes da cúpula entre o presidente americano, Donald Trump, e o líder norte-coreano, Kim Jong-un, em Hanói, no final de fevereiro. Em uma imagem de 22 de fevereiro, veem-se veículos e caminhões no local, assim como vagões e gruas, acrescentou a NPR.

“Comparando tudo, parece muito com o que os norte-coreanos fazem quando constroem um foguete”, disse à NPR Jeffrey Lewis, especialista do Instituto de Estudos Internacionais de Middlebury, em Monterrey. Em julho de 2018, o jornal “The Washington Post” afirmava que as agências americanas de Inteligência haviam detectado, com imagens de satélite, a construção de “um, talvez dois”, novos mísseis nesse complexo de pesquisa de Sanumdong. Na quinta-feira, com base em novas imagens, especialistas americanos informaram que o sítio de Sohae (ou Tongchang-ri), que inclui uma plataforma de lançamento e uma instalação para testes de motores de foguetes, foi rapidamente reconstruído e que, agora, “havia voltado a seu estado operacional normal”.

EUA vão pedir explicações à Coreia do Norte sobre reativação de base de mísseis

Seu desmantelamento foi uma das poucas promessas concretas feitas aos Estados Unidos por Kim nos últimos meses. Na quarta-feira, quando especialistas dos think tanks Center for Strategic and International Studies e 38 North relataram que a reconstrução havia recomeçado, o presidente Donald Trump declarou que ficará “muito, muito decepcionado” com Kim Jong-un, se essas informações se confirmarem.

  • Com informações de agências de notícias internacionais

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here