Exercício de Guerra anti-submarino avançado “Dynamic Manta” iniciou hoje no Mar Mediterrâneo

Na foto, o submarino HNoMS Utsira (S301) durant o exercício Dynamic Mongoose em 2020, efetuando operações semelhantes às que serão realizadas no exercício Dynamic Manta 2021. Foto de Dan Rosenbaum on board HMS Kent/Royal Navy.

Google News

O exercício da OTAN Dynamic Manta (DYMA21) começou nessa segunda-feira, 22 de fevereiro de 2021, na costa da Sicília. Navios, submarinos, bem como aeronaves e pessoal de oito nações aliadas estão convergindo no Mar Mediterrâneo Central para a guerra anti-submarina (ASW) e treinamento de guerra anti-superfície.

Submarinos da Grécia, Itália, Turquia e Estados Unidos sob o Comando de Submarinos da OTAN estão se juntando a navios de superfície da França, Grécia, Itália, Espanha e Turquia.

Este ano, o grupo aeronaval da Marinha Francesa com o Carrier Strike Charles De Gaulle também participará do treinamento junto com cinco unidades de superfície da França, Bélgica, Grécia e Estados Unidos.

Como nação anfitriã, a Itália oferece apoio no porto de Catânia, a base de helicópteros navais em Catânia, estação aérea naval em Sigonella, bem como apoio logístico (operações de reabastecimento, assistência médica e acomodação de pessoal) da base naval de Augusta.

Desenvolver e manter forças prontas e altamente treinadas que se integram perfeitamente é a base de nossa dissuasão e defesa coletiva da OTAN.

Para apoiar o ambiente de ameaças múltiplas simulado, aeronaves de patrulha marítima da França, Alemanha, Grécia, Itália e Estados Unidos apóiam o exercício.

O objetivo do Dynamic Manta é fornecer a todos os participantes um treinamento de guerra complexo e desafiador para aumentar sua interoperabilidade e proficiência em habilidades de guerra anti-submarino e anti-superfície, com o devido respeito à segurança.

Cada navio de superfície terá a oportunidade de conduzir uma variedade de operações de guerra submarina. Os submarinos se revezarão na caça e na caça, coordenando seus esforços com os participantes do ar e da superfície.

Oito Aliados da OTAN estão participando ativamente: Bélgica, França, Alemanha, Grécia, Itália, Espanha, Turquia e Estados Unidos; com cinco navios de superfície (FRA, GRC, ITA, SPA, TUR); cinco submarinos (GRC, ITA, TUR, EUA); cinco aeronaves de patrulha marítima (FRA, GER, GRE, ITA, EUA); e um porta-aviões da França e seus navios de apoio da FRA, BEL, GRE e EUA.

A força das forças militares da OTAN é encontrada em nossas estruturas de comando, controle e comunicação, que podem ser melhor praticadas durante exercícios ao vivo, como Dynamic Manta 2021.

Desenvolver e manter forças prontas e altamente treinadas que se integram perfeitamente é a base de nossa dissuasão coletiva e defesa. Este exercício ao vivo também demonstrará que o COVID-19 não mudou a resiliência e a prontidão da OTAN.

Semelhanças com o Exercício Dynamic Mongoose

O exercício Dynamic Mongooseque foi realizado em 2020 no Mar do Norte pròximo a costa da Islândia empregou os navios da Royal Navy do HMNB Portsmouth,  participando junto com outros países, incluindo Islândia, Noruega e Canadá, durante extensas séries praticando a arte da navegação de proximidade, exercícios de guerra anti-submarino e exercícios de combate à superfície (exercícios de retirada rápida).

O exercício anual de guerra anti-submarino da OTAN, Dynamic Manta, continua a ser um dos exercícios mais desafiadores e uma excelente oportunidade para as forças navais dos países da OTAN praticar, avaliar e refinar o seu conjunto de habilidades anti-submarino num ambiente exigente. Com uma postura de ameaça em constante evolução, este exercício é uma chance de aprimorar as habilidades de combate de nossas forças navais em todas as três dimensões da guerra anti-submarina em um ambiente multinacional e multiameaças “, disse o Contra-Almirante E. Andrew Burcher, Comandante de Submarinos NATO.

“Dynamic Manta é um dos dois principais exercícios de guerra anti-submarino conduzidos todos os anos pelo Comando Marítimo da OTAN. O SNMG2, como Força Permanente da OTAN, normalmente participa neste tipo de exercícios, focado não apenas no treino e na manutenção da alta prontidão dos Força, mas também no aumento da coesão e interoperabilidade entre as nações que contribuem com a força, mostrando a presença da OTAN e garantindo aos Aliados o compromisso marítimo para a defesa coletiva “, disse o Contra-Almirante Manuel Aguirre Alderguia, Comandante do SNMG2.

Abaixo, vídeo do exercício Dynamic Manta 2019:

  • Fonte: MARCOM/OTAN, via redação Orbis Defense Europe.


Receba nossas notícias em tempo real nos seguindo pelos aplicativos de mensagem abaixo:

Assine nossa Newsletter


Receba todo final de tarde as últimas notícias do DefesaTV em seu e-mail, é de graça!

Assista nosso último episódio: