Exército dos EUA na Europa recebe novo sistema de defesa antiaérea

A unidade parte integrante do 10º Exército dos EUA na Alemanha, foi a primeira a receber o novo sistema de defesa antiaérea M-SHORAD, capaz de combater drones, helicópteros e aviões.

blank

O 5º Batalhão, do 4º Regimento de Artilharia de Defesa Aérea, unidade subordinada ao Comando de Defesa Antiaérea e Antimíssil do 10º Exército norte-americano em Ansbach, Alemanha, recebeu o sistema de Defesa Aérea de Curto Alcance (M-SHORAD).

A unidade do Exército dos EUA, na Europa, foi a primeira a receber o sistema conforme um comunicado do Exército dos EUA, divulgado nesta sexta-feira (23), e dará continuidade aos testes do sistema.

“Esta é de verdade uma prova do compromisso de nosso exército em aumentar a capacidade de defesa antiaérea e antimísseis da força conjunta, e especialmente aqui, na Europa”, disse o general de brigada Gregory J. Brady, chefe do Comando de Defesa Antiaérea e Antimíssil.

blankO sistema M-SHORAD é instalado em veículos de combate Stryker A1 e inclui um conjunto de equipamento de missão projetado pela empresa Leonard DRS. O equipamento inclui um lançador de mísseis Stinger da empresa norte-americana Raytheon.

A empresa General Dynamics Land Systems recebeu um contrato de US$ 1,2 bilhão (R$ 6,5 bilhões) para construir e entregar o sistema até outubro de 2020. O sistema M-SHORAD é projetado para defender tropas e instalações contra sistemas não tripulados e também contra ameaças de helicópteros e aviões.

As variantes futuras do sistema incluirão outros interceptores cinéticos e capacidade de energia dirigida, que não apenas defenderão contra drones e aeronaves tripuladas, mas também contra foguetes, artilharia e morteiros.

  • Com informações do US Army