Filme de guerra japonês pretende revelar segredos do navio de guerra Yamato da Segunda Guerra Mundial

O filme é uma versão ficcional da história por trás do que foi projetado para ser o maior navio de guerra do Japão

blank

“A Grande Guerra de Arquimedes” é um novo filme de guerra japonês, sobre a história do encouraçado Yamato da Segunda Guerra Mundial, o filme é uma produção da Toho Studios, a mesma que produziu Godzilla. O filme chega aos cinemas dos Estados Unidos em 15 de junho, com uma trilha sonora dublada em inglês via Blu-ray, DVD e digital.

“A Grande Guerra de Arquimedes” é uma versão ficcional da história por trás do que foi projetado para ser o maior navio de guerra do Japão, o encouraçado Yamato, um enorme navio que poderia vir a enfrentar vários navios americanos durante uma única batalha.

Nos anos anteriores à guerra, a Marinha Imperial Japonesa encomendou a chamada “supership”, apesar das objeções do almirante Yamamoto, que queria que o país se concentrasse em produzir o máximo possível de navios estratégicos, ágeis e prontos para a batalha.

A história do filme mostra Yamamoto engajando um jovem matemático japonês para descobrir o que ele acredita ser uma conspiração por trás do surpreendente compromisso do Japão com este design único e enorme de navio.

O diretor Takashi Yamazaki fez anteriormente “The Eternal Zero”, um polêmico filme japonês da Segunda Guerra Mundial sobre pilotos kamikaze. Simpáticos com os jovens que sacrificaram suas vidas em missões suicidas, alguns comentaristas japoneses ficaram chocados ao ver um filme que não condena o esforço de guerra de seu país.

Filmes sobre a máquina de guerra japonesa são raros e, embora este pareça ser mais sobre questões de aquisição nos bastidores, qualquer pessoa que acompanhe os julgamentos da Marinha dos Estados Unidos sabe como essas negociações nos bastidores podem ser complicadas.

  • Com informações do site Military.com
  • Tradução e Adaptação: DefesaTV