Força Aérea dos EUA reativará Esquadrão Agressor

A Força Aérea dos EUA (USAF) anunciou intenção de reativar o 65º Esquadrão Agressor com 11 caças F-35A, na base da Força Aérea Nellis, Nevada, a fim de aumentar o nível operacional das unidades.

Conforme a nota divulgada no dia 9 de maio explica, que o comandante do Comando de Combate Aéreo (ACC) general Mike Holmes, teria ‘recomendado’ à ativação. Ele falou com os responsáveis para acelerarem o treinamento táctico e de suporte aéreo de proximidade do pessoal aéreo em caças de quinta geração.

“Os esquadrões agressores têm melhorado as capacidades dos pilotos da Força Aérea desde o início dos anos de 1970 (…) Eles oferecem uma dose maior de realismo aos exercícios aéreos”, disse o general David Goldfein, chefe do Estado-Maior da Força Aérea.

Planeja-se para o início de 2022, que à ativação e assim comecem as transferências. O 65º Esquadrão Agressor foi desativado em setembro de 2014 como medida para economizar custos.



Receba nossas notícias em tempo real pelos aplicativos de mensagem abaixo:

 

Caso deseje conversar com outros usuários escolha um dos aplicativos abaixo:



Assine nossa Newsletter


Receba todo final de tarde as últimas notícias do DefesaTV em seu e-mail

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here