Fuzileiros Navais de Portugal são deslocados para Lituânia em missão de tranquilização da OTAN

blank

Uma Força de Fuzileiros Navais de Portugal, parte na próxima segunda-feira (1), para a Lituânia, onde irão permanecer nos próximos três meses, em missão de tranquilização (Nato Assurance Measures) da Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN).

A Força inclui uma equipe de Mergulhadores, que fará parte dos 146 militares (140 Fuzileiros e 6 Mergulhadores) enviados. Destes, 134 militares partem segunda-feira, para se juntar ao destacamento avançado de 12 militares que já se encontra no teatro de operações.

Pela primeira vez que uma equipe de mergulhadores integrará esta missão, dando à Força naval especialistas em explosivos, minas e apoio a operações anfíbias.

Este é o segundo ano em que uma Força tão significativa, integralmente gerada e aprontada pela Marinha, irá operar num teatro Europeu e que será projetada para Klaipėda, na Lituânia, por mar e ar.

Durante os próximos três meses, os militares portugueses vão treinar com a Marinha da Lituânia e com o “Dragoon Battalion” do Exército Lituano, em operações anfíbias e operações terrestres.

No âmbito dos compromissos internacionais, Portugal participa nesta missão com o objetivo de contribuir para o esforço coletivo da OTAN, no quadro de um conjunto de atividades militares, realizadas nos territórios da Europa central e de Leste, no sentido de reforçar a capacidade de dissuasão e resposta da Aliança face a potenciais ameaças.

  • Com informações do Estado Maior General das Forças Armadas (Pt)

1 COMENTÁRIO

  1. Loucos ‼️ 😑
    Irresponsáveis e Inconsequentes 🤦🏼‍♀️

    Se a mãe Rússia 🇷🇺 quiser desfaz – vos e dão cabo de vocês em segundos ⏳ ⌛ ⏱️ com uma simples 💣 💥
    Vocês brincam com o fogo ❕🔥
    sem noção do perigo ⚠️

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here