Imagens do local do ataque de Forças Especiais que neutralizou o líder do ISIS na Síria

Com a ajuda de colaboradores anônimos dos EUA e da Russia em campo na Síria, alguns veículos de imprensa independentes conseguiram obter imagens, onde as quais mostram as conseqüências da operação realizada nesse sábado (26), ao norte de Idlib, quando o líder do ISIS, Abu Baker al-Baghdadi, foi morto durante ação das Forças Especiais dos EUA.

As fotos mostram os restos do complexo de al-Baghdadi na cidade de Barisha, no norte de Idlib, perto da fronteira com a Turquia. Um veículo destruído e o que parece ser restos humanos também podem ser vistos em algumas fotos.

Cartuchos de uma granada de 40 mm M433 de alta finalidade dupla (HEDP), fabricada nos EUA, e cartuchos M789 HEDP de 30 mm, provavelmente disparados por helicópteros de ataque americanos, foram encontrados na área do complexo.

Também foi confirmado que oito helicópteros americanos carregando tropas de Forças Especiais e apoiados por aviões e drones realizaram o ataque bem-sucedido ao complexo de Barisha.

Anteriormente o presidente dos EUA, Donald Trump, confirmou que al-Baghdadi foi morto no ataque junto com muitos de seus seguidores. Ele ainda agradeceu à Rússia, Síria, Iraque e curdos sírios por ajudar no ataque.

 

Além de comandantes seniores do ISIS, fontes jihadistas sírias revelaram que Abu Mohamad al-Halabi, um importante comandante de Horas al-Din, afiliado à Al Qaeda, também foi morto no ataque. Horas al-Din é um importante aliado de Hay’at Tahrir al-Sham (HTS) que controla o Grande Idlib.

A esposa e o filho do terrorista infame teriam sido mortos durante o ataque. A família de Abu Mohamad al-Halabi também foi supostamente morta. O filho mais velho de Al-Bagdá, Huthaifah al-Badri, foi morto no ano passado pelo Exército Árabe da Síria (SAA) no deserto de Homs, no coração do país.

  • Com informações e imagens @Almoharmedia3 Syria via redação Orbis Defense Europe.


DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here
Enter the text from the image below