Kalashnikov apresenta novo kit de combate para Forças Especiais

O novo kit de combate recebeu duas versões de cintas ocultas que permitem carregar todo o equipamento necessário e mantê-lo escondido.

blank

No início de março, o consórcio Kalashnikov apresentou um novo Sistema de Transporte Modular (MCS), uma solução inovadora que integra blindagem corporal, equipamento militar de suporte de carga e equipamento especial para esconder o soldado.

“Cada missão requer um equipamento específico, mas o MCS pode ser adaptado para todos os tipos de missões militares em todas as condições climáticas do mundo. Não importa se é o Ártico ou o Deserto do Saara”, explica o chefe do departamento de cooperação técnico-militar da Kalashnikov, Vladímir Onokoi.

blank

“Para missões em terrenos acidentados, onde o uso de proteção balística é impossível, temos duas plataformas torácicas que permitem transportar todos os equipamentos e munições sem adicionar muito a sua carga”, diz Onokoi.

Caso o soldado precise de proteção balística durante operações secretas, existem duas versões de coletes à prova de balas finos que podem ser vestidos sob uma jaqueta, não expondo o soldado aos adversários.

blank

Para operações convencionais, o MCS pode oferecer sistemas de distribuição de carga projetados para tornar a blindagem corporal mais confortável.

blank

O MCS também pode ser equipado com blindagem corporal de assalto aprimorada com módulos macios de armadura para pescoço, ombros e braços para oferecer proteção máxima contra fragmentos de munições explosivas.

blank

“No momento, o MCS tem dois esquemas de cores: ‘asfalto’ (cinza) e ‘umber’ (marrom), dependendo do terreno do local da missão”, diz. O tecido especial esconde o soldado no espectro infravermelho, tornando-o invisível para franco-atiradores. Essa caraterística pode salvar vidas durante tiroteios noturnos.

blank

Segundo Onokoi, o MCS é o primeiro kit de combate de múltiplas funções do mundo e não tem análogos estrangeiros. “As caraterísticas técnicas do kit superam as do kit de combate Ratnik utilizado hoje pelos militares russos”, completou.