Marinha do Brasil celebra 60º aniversário de seu Centro de Comunicação Social

A evolução e adensamento do ambiente informacional fizeram com que a Administração Naval decidisse, em 2006, alterar a denominação do Serviço para Centro de Comunicação Social da Marinha

blank

Em 5 de abril de 1961, com objetivo de incrementar, de forma sistemática, o relacionamento de nossa Força com a sociedade, foi criado o Serviço de Relações Públicas da Marinha (SRPM).

A evolução e adensamento do ambiente informacional fizeram com que a Alta Administração Naval decidisse, em 2006, alterar a denominação do Serviço para Centro de Comunicação Social da Marinha (CCSM), reconhecendo as necessidades que ora surgiam.

Como parte desse desenvolvimento e visando tornar a estrutura compatível com as novas atribuições e competências, o CCSM recebeu, em 2008, maior autonomia administrativa e passou a ser dirigido por um contraalmirante.

Compreender o papel da comunicação em um mundo globalizado, onde as informações são instantâneas e desconhecem fronteiras, é fator imprescindível a todas as organizações.

O surgimento de novas ferramentas de interação somado aos meios de comunicação tradicionais, inseridos no complexo, mutável e imbricado contexto sociopolítico, compõem cenário desafiador.

O Sistema de Comunicação Social da Marinha se fortalece e reinventa a cada dia, contribuindo para a inquebrantável coesão do público interno, a aproximação com a sociedade e a conscientização sobre a relevância de possuir uma Força moderna, aprestada e motivada, com fulcro em enfatizar a importância e o valor da “Amazônia Azul” ao País. Marinha do Brasil: Protegendo nossas riquezas, cuidando da nossa gente.

Ao completar 60 anos, a Marinha do Brasil (MB) reflete com assertividade sobre o papel estratégico da comunicação social ao desenvolver relacionamentos, promover parcerias e, sobretudo, divulgar continuamente, com transparência, tarefas desenvolvidas em todos os ambientes de atuação.

A inserção da Ação Estratégica de Comunicação no Plano Estratégico da Marinha (PEM) 2040 traduz o valor atribuído a essa atividade nos planejamentos de alto nível da MB.

“Nessas seis décadas, o CCSM esteve em permanente modificação, seja pelo aprimoramento de pessoal e o paulatino ingresso de profissionais em seus quadros, ou pela melhoria na sua infraestrutura. Destacam-se a criação de novos canais de comunicação, a reorientação das campanhas de divulgação institucional, a reformulação gráfica e editorial dos produtos de comunicação, além do fomento de cultura analítica, com emprego de ferramentas tecnológicas e capacitação, consolidando o papel de assessoria direta ao Comandante da Marinha”, afirma o contra-almirante João Alberto de Araújo Lampert, Diretor do Centro de Comunicação Social da Marinha.

Assim, ao celebrar esta data, a MB congratula todos os militares, veteranos e servidores civis, de ontem, hoje e sempre, que exerceram ou exercem funções na área de comunicação social.

O trabalho diuturno e incansável, com profissionalismo e competência, deságua, como elemento tangível, no elevado índice de confiança que a Força desfruta junto à sociedade brasileira.

  • Com informações do Centro de Comunicação Social da Marinha