Marinha do Brasil cria seu primeiro esquadrão de Aeronaves Remotamente Pilotadas

O novo esquadrão terá sede em São Pedro da Aldeia, e irá estabelecer um importante marco na história da Aviação Naval

blank

Google News

A Marinha do Brasil (MB) criou nesta terça (30) o 1º Esquadrão de Aeronaves Remotamente Pilotadas de Esclarecimento (EsqdQE-1). A portaria, publicada no Diário Oficial da União, é assinada pelo almirante de esquadra Ilques Barbosa Junior, que pediu a exoneração do cargo de comandante da Marinha.

blankA aquisição realizada pela MB atende ao Programa de Construção do Núcleo do Poder Naval, ampliando a capacidade operacional dos navios da força naval em missões de Reconhecimento, Vigilância e Inteligência.

O futuro emprego de Aeronaves Remotamente Pilotadas (ARP) na MB estabelecerá um importante marco na história da Aviação Naval, pela aplicação do trinômio navio, aeronaves tripuladas e não tripuladas.

Leia abaixo a portaria na íntegra.

blank



Receba nossas notícias em tempo real nos seguindo pelos aplicativos de mensagem abaixo:

blank

Assine nossa Newsletter


Receba todo final de tarde as últimas notícias do DefesaTV em seu e-mail, é de graça!

Assista nosso último episódio: