Marinha Estoniana tem seu primeiro caça-minas atualizado pela empresa Babcock

EML Admiral Cowan, é um dos navios caça-minas, classe Sandown da Estônia (Foto: Babcock)

No dia 31 de janeiro a empresa de manutenção naval Babcock, anunciou que havia completado com sucesso o upgrade no primeiro dos três navios de caça-minas da Marinha Estoniana em suas instalações de Rosyth, Fife, na Escócia. Esta atualização foi finalmente concluída após o navio caça-minas EML Admiral Cowan (classe Sandown), passar por um período de docagem de cinco meses entre os meses de julho e dezembro de 2018. Agora que foi atualizado, o navio retorna à Estônia para começar a preparação dos testes de mar em maio, onde será demonstrada toda sua capacidade operacional. 

Como parte do contrato, o pacote de atualização de capacidade inclui: a substituição do sonar de profundidade variável Thales 2093 pelo sonar de banda larga Thales 2193, o sistema de comando e controle Thales M-CUBE para uma navegação aprimorada, além de sistemas diversos nos caça-minas classe de Sandown. Ainda como parte do contrato, a Thales também está entregando um novo centro de dados para os caça-minas da Marinha da Estônia. O segundo navio caça-mina, o EML Sakala, chegou a Rosyth em dezembro de 2018 para passar pelo mesmo tipo de trabalho, que será seguido pelo EML Ugandi no final da primavera de 2019.

  • Com informações do site Navy Recognition
  • Tradução e Adaptação: DefesaTV

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here
Enter the text from the image below