Marinha francesa realiza bloqueio de transferência de petróleo no âmbito do embargo a Coreia do Norte

A fragata Prairial detectou dois petroleiros, no o mar da China Oriental, realizando transferência de combustível entre si

blank

Google News

O Comando do Pacífico Francês (ALPACI) relatou que a fragata Prairial, classe Floréal, detectou e identificou dois petroleiros realizando uma transferência de combustível entre si.

A fragata estava patrulhando o mar da China Oriental como parte do UNSC ECC (Célula de Coordenação da Aplicação do Conselho de Segurança das Nações Unidas).

A fragata partiu do seu porto de origem no Taiti, na Polinésia Francesa no dia 15 de janeiro para participar da missão AETO, que seria a contribuição francesa para o embargo internacional contra a Coreia do Norte no combate à proliferação nuclear.

blankEm particular, esse combate envolve a vigilância das transferências de navio para navio no mar (petróleo, carvão, ferro, etc.), ultrapassando as limitações impostas pelas resoluções 2375 e 2397 da ONU. A fragata francesa detectou a atividade ilegal suspeita no dia 28 de fevereiro.

A fragata já havia participado de um reabastecimento trilateral no mar em 19 de fevereiro e em seguida entrou na base naval de Sasebo, no Japão. A base é frequentemente utilizada por embarcações que participam do monitoramento de sanções contra a Coreia do Norte.

Um oficial de ligação da Marinha francesa está permanentemente a bordo do USS Blue Ridge, da 7ª frota da Marinha dos Estados Unidos, para fins de coordenação.

O sistema AETO, lançado em janeiro de 2018, permite o gerenciamento entre os oito países participantes (Estados Unidos, Canadá, Reino Unido, Austrália, Nova Zelândia, Japão, Coreia do Sul e França) na implementação do aspecto marítimo das resoluções das Nações Unidas contra a Coreia do Norte.

  • Com agências internacionais


Receba nossas notícias em tempo real nos seguindo pelos aplicativos de mensagem abaixo:

blank

Assine nossa Newsletter


Receba todo final de tarde as últimas notícias do DefesaTV em seu e-mail, é de graça!

Assista nosso último episódio:

Comments are closed.