Marinha Indiana arrenda drones MQ-9B para missões de reconhecimento no oceano Índico

Esses drones são capazes de conduzir missões de reconhecimento por mais de 30 horas

blank
© REUTERS / JOSH SMITH Militares norte-americanos prepararam drone MQ-9 para missão na base de Kandahar, Afeganistão (foto de arquivo)

O periódico Hindustan Times, noticiou que a Marinha indiana arrendou dois drones MQ-9B SeaGuardian junto aos EUA para realizar missões de reconhecimento na região do oceano Índico.

Esses drones são capazes de conduzir missões de reconhecimento por mais de 30 horas, e serão operados a partir da base aérea INS Rajali, da Marinha indiana, segundo o India Today.

Esta base aérea já conta com uma frota de aeronaves de reconhecimento marítimo de longo alcance, Boeing P-8I Poseidon, da Marinha indiana. Desta forma, o país pretende elevar suas capacidades de inteligência, vigilância e reconhecimento.

Além dos MQ-9B, a Índia opera um conjunto de drones IAI Heron e IAI Searcher  israelenses e especializados em missões de reconhecimento e vigilância. Os MQ-9B são capazes de operar a uma altitude de quase 13 mil metros, e uma autonomia de 30 horas com alcance de 9.260 km.

  • Com agências internacionais