Militares do 2° Batalhão de Operações Ribeirinhas são preparados para atuar na Operação “Verde Brasil II”

blank
Militares em preparação para atuar na Operação

O 2° Batalhão de Operações Ribeirinhas iniciou, em maio, os preparativos para atuar na Operação “Verde Brasil II”, por meio do Comando Conjunto Marechal Soares de Andreas.

O ato foi marcado pela ativação de um Grupamento Operativo de Fuzileiros Navais (GptOpFuzNav), tipo Elemento Anfíbio, em Belém-PA, que poderá ser empregado em situações que exijam rápida resposta de ação.

Foi estabelecida uma Unidade de Reconhecimento para eventuais necessidades de levantamento de dados em áreas de interesse da Amazônia Legal, uma Unidade de Combate Ribeirinho para realizar ações preventivas e repreensivas contra delitos ambientais e uma Unidade de Apoio de Serviços ao Combate, que tem o propósito de dar o suporte logístico para que as demais unidades do GptOpFuzNav possam desempenhar suas tarefas.

Os militares envolvidos recebem instruções atinentes a suas atividades, visando ao aprimoramento de conhecimentos específicos para melhor atuação em sua área de responsabilidade.

  • Com informações do CSSM