Nuclep e Emgepron buscam parceria para formar Cluster tecnológico naval

A empresa Nuclebrás Equipamentos Pesados (Nuclep) recebeu nesta semana, uma comitiva da Empresa Gerencial de Projetos Navais (Emgepron) para discutir uma parceria na formação de um Cluster Tecnológico Naval de Defesa.

O projeto pretende aproveitar vantagens oceânicas que o país oferece, além de agrupar indústrias, empresas e instituições ligadas ao setor. De acordo com a Nuclep, o objetivo é alcançar o aumento da produtividade, geração de emprego e crescimento de consumo.

O presidente da Nuclep, contra-almirante Carlos Henrique Seixas, participou do encontro junto com o diretor-presidente da Emgepron, contra-almirante Edésio Teixeira Lima Junior.

“Recentemente havia dito ao contra-almirante Seixas do meu entendimento sobre o desafio que ele tem aqui. Essa nossa vinda reforça minha certeza de que sua gestão está no caminho certo e que há uma imensa sinergia entre Marinha do Brasil (MB) e a Nuclep”, afirmou Lima Júnior.

A Emgepron é uma empresa pública que atua para promover a indústria naval brasileira por intermédio da Marinha. A companhia é responsável por gerenciar projetos de engenharia e executar atividades à obtenção e manutenção de material militar naval, atuando em áreas técnicas, de reparos, catalogação, apoio logístico e estudos do mar.

“O Cluster Tecnológico Naval de Defesa é um dos eixos de planejamento do país por meio da economia do mar e essa união pode ser um grande passo para o fortalecimento do setor de Defesa do Brasil“, concluiu o diretor da Emgepron.

Este slideshow necessita de JavaScript.

  • Com informações do site PetroNotícias


DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here
Enter the text from the image below