O Brasil e a participação no Projeto de Parceria Triangular das Nações Unidas

A adição do Brasil junto ao Projeto é fruto do desempenho que a Engenharia do Exército Brasileiro demonstrou na Missão das Nações Unidas para a Estabilização do Haiti

blank

Dentre os mecanismos de cooperação preconizados no Projeto de Parceria Triangular das Nações Unidas (PTT/ONU), consta aumentar as habilidades das unidades de engenharia nas missões de paz, proporcionando-lhes treinamento eficiente e adequado antes de seus desdobramentos.

A consolidação do PPT no âmbito da ONU foi consubstanciada, outrora, no Painel Independente de Alto Nível sobre Operações de Paz (“High Level Independent Panel on United Nations Peace Operations/HIPPO”) (2015).

Nos relatórios do Comitê Especial das Nações Unidas para as Operações de Paz/C-34 (2015, 2017, 2018 e 2020); nas resoluções do Conselho de Segurança das Nações Unidas Nr 2378 (2017) e Nr 2436 (2018) e, mais recentemente, na iniciativa “Action for Peacekeeping/A4P” (2018), dentre outros documentos.

Curso de Gerenciamento e Manutenção de Equipamento de Engenharia

Fruto do desempenho que a Engenharia do Exército Brasileiro (EB) demonstrou na Missão das Nações Unidas para a Estabilização do Haiti (MINUSTAH), no tocante ao preparo e emprego da Companhia de Engenharia de Força de Paz (BRAENGCOY).

blankO Escritório do PPT/ONU, após tratativas protocolares com o Brasil, selecionou o Centro de Instrução de Engenharia (CI Eng), em Araguari-MG, para ser a sede do Curso de Gerenciamento e Manutenção de Equipamentos de Engenharia a Países Contribuintes de Tropa (“TCC”) do continente africano.

Com a assinatura do Acordo de Sede (Host Country Agreement/Exchange of Letter), envolvendo negociações/tratativas entre o Ministério da Defesa, o Ministério das Relações Exteriores, integrantes do Escritório do Conselheiro Militare/Missão Permanente do Brasil junto à ONU e o Secretariado das Nações Unidas.

O curso foi conduzido no período de 10 de junho a 18 de outubro de 2019, com carga horária de 960 horas para Oficiais dos seguintes TCC do continente africano: Etiópia, Gana, Tanzânia e Uganda.

Pelo ineditismo da atividade no Brasil, o planejamento e a condução do Curso de Gerenciamento e Manutenção de Equipamento de Engenharia, a cargo do Departamento de Engenharia e Construção (Comando do Exército), beneficiando TCC de países africanos, demonstraram a expertise da Engenharia do Comando do Exército em proveito das Operações de Manutenção da Paz.

  • Com informações e fotos do CCOPAB