Os helicópteros Sabres AH-2 (MI-35) da FAB serão vendidos? Entenda o que aconteceu.

2º Sgt Carlos Eduardo

Informações que circulam em diversas redes sociais, principalmente em grupos de whatsapp, relacionando as aeronaves AH-2 SABRE e uma suposta venda para o Exército Nacional da Líbia, será verdade?

Atualmente estas aeronaves de asas rotativas (helicópteros) estão a serviço no Esquadrão Poti (2º/8º GAV) na ALA 6 em Rondônia – RO.

Entenda o caso
Desde o dia 15 de fevereiro, circulam informações provenientes de um site francês de nome ”Intelligence OnLine”¹, citando que o governo brasileiro estaria envolvido em um acordo de venda junto ao Exército Nacional da Líbia por intermédio do governo dos Emirados Árabes. Provavelmente esta relação tenha sido considerada a partir da visita do Presidente da República Federativa do Brasil, Senhor Jair Bolsonaro em resposta ao convite de Sua Alteza o Xeique Mohammed bin Zayed Al Nahyan, Príncipe Herdeiro de Abu Dhabi e Vice-Comandante Supremo das Forças Armadas dos Emirados Árabes Unidos em 27 de outubro de 2019.

Foto: Reuters

De acordo com o Itamaraty², nesta viajem oficial, os líderes decidiram alçar as relações bilaterais ao nível de parceria estratégica, tendo assinado Memorando de Entendimento sobre a Parceria Estratégica entre Brasil e Emirados Árabes Unidos, nas áreas de paz e segurança, cooperação econômica, cooperação em energia e cooperação em turismo, cultura e esportes. Na ocasião, outros acordos internacionais também foram assinados nos campos de inteligência artificial, meio ambiente, defesa, comércio e cooperação aduaneira.

No dia 13/02/2020 foi publicado no Diário Oficial da União³ o MEMORANDO DE ENTENDIMENTO SOBRE PARCERIA ESTRATÉGICA ENTRE A REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL E OS EMIRADOS ÁRABES UNIDOS.

O site ”Intelligence OnLine”, ainda informa, que de acordo com suas fontes, o General Khalifa Haftar no qual estaria adquirindo grande lote de material militar na sua luta contra o Governo de Trípoli, que em uma possível negociação triangular os Mi-35 brasileiro (AH-2 Sabre) poderiam estar a caminho de Benghazi para compor o Exército Nacional da Líbia. Esta suposta negociação triangular teria por intermédio os Emirados Árabes, em troca de financiamento para a aquisição de novas aeronaves.

No domingo, dia 16 de fevereiro em uma rede social e com a postagem fixada, o Comandante-Geral de Apoio, Tenente-Brigadeiro do Ar Baptista Junior, declarou “Como Membro do Alto-Comando da FAB e seu Comandante Logístico, informo que não há qualquer negociação neste sentido.”De acordo com a afirmação do Comandante-Geral de Apoio, entendemos que as informações compartilhadas pelo site francês não são verídicas!

A DefesaTV aproveita para ressaltar que realizamos nesta segunda feira, 17 de fevereiro contatos por telefone e e-mail junto ao Centro de Comunicação Social da Aeronáutica – CECOMSAER, mas até o fechamento da matéria não obtivemos nenhum posicionamento oficial da Força.

 

Créditos:
Matéria: Luiz Camões
Fotos/imagens: FAB e Agência Reuters

Fontes:
¹ https://www.intelligenceonline.com/corporate-intelligence/2020/02/12/brazilian-mi-35-may-be-on-their-way-to-benghazi,108393511-bre

² http://www.itamaraty.gov.br/pt-BR/notas-a-imprensa/21031-declaracao-conjunta-por-ocasiao-da-visita-oficial-aos-emirados-arabes-unidos-de-sua-excelencia-o-presidente-da-republica-federativa-do-brasil-senhor-jair-bolsonaro-abu-dhabi-27-de-outubro-de-2019

³ http://www.in.gov.br/web/dou/-/memorando-de-entendimento-sobre-parceria-estrategica-entre-a-republica-federativa-do-brasil-e-os-emirados-arabes-unidos-243057572

You may also like