Populações armênias e curdos cristãos são as principais vítimas da invasão turca até agora

Imagem de ontem à tarde de civis armênios em fuga da região de Qamishli. Via Associated Press.

Após a ofensiva militar lançada pela Turquia na quarta-feira, 9 de outubro, contra as forças curdas no território sírio, centenas de cristãos já estariam entre as vítimas, após os ataques na cidade de Qamishli. Diversas casas de famílias cristãs teriam sido atingidas por bombas turcas perto da igreja de Saint-Georges.

Enquanto isso, o presidente Erdogan anunciou que 109 militantes curdos foram mortos desde o início das operações. Mais de 60.000 pessoas estão fugindo da área, segundo o Observatório Sírio para os Direitos Humanos.

O exército turco tomou 11 vilas e cidades de volta dos considerados insurgentes curdos do SDF / YPG. A maioria dos civis de origem islâmica nas áreas recém-libertadas recebeu bem as forças armadas turcas pois os curdos do SDF eram muito severos com os não curdos e muçulmanos religiosos que vivem nas áreas curdas devido a sua simpatia pelo ISIS. O SDF tem muitos cidadãos europeus e americanos e cristãos sírios em suas fileiras que se juntaram a esta organização por causa de suas visões anti-muçulmanas, esses combatentes estrangeiros e particularmente os cristãos sírios foram a razão da animosidade dos SDF em relação aos muçulmanos. Mais de 200 militantes curdos também foram mortos nesta operação.

A Turquia alcançou quase todos os seus objetivos operacionais ao derrotar rápida e eficazmente os curdos da região que eram apoiados pelo Ocidente.

A cidade de Tel Abyad, povoada pela Armênia, também foi alvo da Turquia como parte de sua ofensiva contra os curdos, informa Mkhitar Hayrapetyan, chefe do Comitê Permanente de Educação, Ciência, Cultura, Diáspora, Juventude e Esporte da Assembléia Nacional.

Desde que a população armênia na área està sob fogo, Hayrapetyan conversou com o cônsul geral da Armênia com Aleppo Armen Sarkissian para obter informações sobre a situação no terreno.

“Neste momento, os turcos estão bombardeando a cidade de Tel Abyad, onde residem permanentemente milhares de famílias armênias. Sua evacuação está em andamento. Além disso, a cidade de Qamishli, com metade de moradores armênios, também está sob ataque ”, afirmou ele em redes sociais.

A Turquia lançou ataques aéreos , disparou artilharia e começou uma ofensiva terrestre contra combatentes curdos no norte da Síria na quarta-feira (9 de outubro), depois que as tropas americanas se afastaram da área.

  • Com informações da  Public Radio of Armenia, Reuters e SANA Syria via redação Orbis Defense Europe.


DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here
Enter the text from the image below