Presidente Chinês, Xi Jinping, chega à Coreia do Norte para visita de dois dias

O presidente da China, Xi Jinping, chegou nesta quinta-feira (20) a Pyongyang para uma visita oficial de dois dias à Coreia do Norte, a primeira de um líder chinês em 14 anos, anunciou o canal estatal de televisão CCTV.

Xi Jinping, que viaja com sua mulher, Peng Liyuan, e com o ministro das Relações Exteriores, Wang Yi, chegou à capital norte-coreana às 11h40 local (23h40 Brasília), de acordo com imagens da TV estatal.

A visita, que termina amanhã sexta-feira (21), é a primeira de um presidente chinês desde 2005. Nos anos recentes as relações bilaterais foram afetadas, a ponto de a China se somar às sanções internacionais contra Pyongyang por seu programa nuclear.

Xi e o líder norte-coreano, Kim Jong-un, se esforçaram pessoalmente para recompor a relação entre os dois países, mas o segundo esperou até 2018 para sua primeira viagem à China. No ano passado, os dois líderes se encontraram em quatro oportunidades.

Xi escreveu um artigo, publicado na primeira página do jornal oficial da Coreia do Norte, no qual destaca o vínculo “insubstituível” entre os dois países, na véspera da viagem a Pyongyang.

Com sua visita, Xi pode demonstrar que a China ainda tem influência sobre seu aliado da Guerra Fria e desempenhar um papel nos esforços para convencer Pyongyang a abandonar seu programa nuclear.

China pode usar Coreia do Norte para negociar com os EUA

Xi também pode usar sua posição como uma “moeda de troca” na guerra comercial com os Estados Unidos, de acordo com o especialista.

Apesar de Donald Trump ter prometido a Kim um fabuloso desenvolvimento econômico caso Pyongyang renuncie a seu programa nuclear, Xi espera recordá-lo do papel central de Pequim, que responde por nada menos que 90% do comércio exterior norte-coreano.

As principais avenidas e praças da capital norte-coreana estão decoradas com emblemas e bandeiras dos dois países. A viagem ocorre uma semana antes da Cúpula do G20 no Japão, da qual participarão o presidente chinês e o líder americano, Donald Trump.

  • Com informações da agência AFP


DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here
Enter the text from the image below