Primeiro disparo de um míssil MMP a partir de um veículo blindado Jaguar do Exército Francês

Lançado de um pod retrátil na torre do Jaguar em uma configuração de dois mísseis, o MMP atingiu seu alvo com sucesso

blank
Primeiro disparo direto de um míssil MMP de médio alcance de um veículo blindado de reconhecimento e combate Jaguar (EBRC) (Fonte da imagem: DGA)

Google News

As empresa MBDA e Nexter participaram no dia 14 de abril, do primeiro disparo de lock-on de um míssil de médio alcance (MMP) a partir de veículo blindado de reconhecimento e combate (EBRC) Jaguar.

A agência de compras de defesa da França (DGA) executou os disparos em seu Centro de Testes de Técnicas Terrestres como parte da qualificação do veículo Jaguar. A integração de MMP/Jaguar está sendo realizado em etapas durante a qualificação, sendo este disparo o primeiro estágio, demonstrando com sucesso ao acertar um alvo fixo.

O sistema oferecerá a capacidade de destruir alvos terrestres fixos ou móveis, incluindo blindados de última geração. A classificação será direta ou além da linha de visão (BLOS), e também será preciso com danos colaterais mínimos, qualidades que caracterizam o MMP.

Os Recursos do MMP, integrados ao Jaguar e a torre da Nexter, junto com a estação de arma controlada remotamente desenvolvida pela Arquus, é uma solução comum ao Programa Scorpion desenvolvida pela Thales, e que com o canhão de 40 mm desenvolvido pela CTAI, dão ao Jaguar um papel fundamental no combate colaborativo.

Durante esta demonstração, a visão de vigilância do campo de batalha Optrolead PASEO fez interface com o sistema de mísseis, oferecendo aquisição optrônica em tempo real durante o dia e à noite. Isso dá ao Jaguar excelentes capacidades de observação e identificação de longo alcance.

O chefe do setor de campo de batalha para vendas e desenvolvimento de negócios da MBDA, Frédéric Michaud, disse: “Este disparo marca um primeiro passo importante do trabalho realizado com a Nexter para desenvolver a torre do Jaguar e integrar o MMP em um sistema de armas construído sobre as mais recentes soluções tecnológicas. Esta configuração de torre com dois mísseis expande consideravelmente o poder de fogo do veículo”.

Já o gerente de projeto Jaguar na Nexter, David Marquette, elogiou o trabalho excepcional da equipe do programa neste projeto de integração de sistema extremamente importante: “Este é um marco importante, demonstrando as habilidades técnicas de nossas equipes em projetar e desenvolver uma capacidade operacional diferente de qualquer outra em o mundo.”

O programa Scorpion visa renovar e modernizar as capacidades de combate do Exército Francês em torno de novas plataformas e um sistema de informação de combate unificado.

Ao lado do programa Griffon, veículo blindado multifuncional (VBMR), e as unidades de cavalaria Serval para substituir seu AMX10 RC existente, ERC90 e VAB. Os veículos Griffon e Jaguar serão fornecidos pelo consórcio Nexter-Arquus-Thales.

Eles são destinados às forças terrestres francesas e belgas. A torre do Jaguar está equipada com um canhão de 40 mm capaz de disparar munição telescópica,  MMP e uma metralhadora 7,62 mm operada remotamente. O veículo exibe excelente mobilidade e proteção aprimorada e incorpora a optrônica de última geração.

Os requisitos de combate colaborativo no campo de batalha (compartilhamento de informações em tempo real, proteção mútua e resposta rápida de combate) são atendidos pelo Sistema de Informação de Combate Scorpion (SICS), bem como pelos rádios táticos CONTACT1 de nova geração e a arquitetura vetrônica comum a todos os veículos Scorpion.

O kit de integração de mísseis MMP desenvolvido pela MBDA para o Jaguar EBRC pode ser facilmente adaptado a outras torres que transportam vários mísseis prontos para disparar. Sua facilidade de implementação permite operações de carga e descarga muito rápidas.

  • Com informações do site Army Recognition
  • Tradução e Adaptação: DefesaTV


Receba nossas notícias em tempo real nos seguindo pelos aplicativos de mensagem abaixo:

Assine nossa Newsletter


Receba em seu e-mail as últimas notícias do DefesaTV, é de graça!

Assista nosso último episódio: