Projeto na Câmara dos Deputados prevê reinclusão de militares aos quadros da Força Aérea Brasileira

Proposta atende aos aprovados no concurso de Soldados Especializados da Aeronáutica - CESD de 1994 a 2001

blank

Projeto de lei (PL) em tramitação na Câmara dos Deputados pede a reinclusão de militares aos quadros da Força Aérea Brasileira (FAB) oriundos do concurso público da Aeronáutica — de Soldados Especializados da Aeronáutica – CESD, dos anos de 1994 a 2001.

O autor do PL 5596/2020, deputado federal Sargento Gurgel afirma que, atualmente, cerca de 2.500 aprovados no certame buscam retomar a carreira militar, com o maior quantitativo no Estado do Rio de Janeiro, em torno de 900 pessoas.

O parlamentar foi procurado por uma comissão de ex-concursados, que apresentou essa demanda. Após o encontro, Gurgel — que é coordenador da bancada do Rio no Congresso Nacional — apresentou a proposta.

Eles relatam que trabalharam por seis anos na FAB como soldados, mas começaram a ser desligados sem a promoção a cabo, conforme previa o edital. Segundo o grupo, não houve processo demissional nem publicação no DO.

Além disso, eles dizem que a maior parte dos militares desligados permanece com cadastro de servidor público federal ativo no Ministério do Trabalho e na Previdência Social, e não houve comunicação ao TCU.

“O projeto de lei procura resgatar todos os prejuízos sofridos por essas pessoas”, afirma o deputado.

  • Com informações do Jornal o Dia