Queda de helicóptero AH-1W Viper do Corpo de Fuzileiros Navais dos EUA deixa dois mortos

blank

Dois pilotos pertencentes ao Corpo de Fuzileiros Navais dos EUA (USMC), morreram na noite do último sábado (30), quando o helicóptero onde eles estavam caiu no Arizona, informou Marinha do EUA através de nota. O acidente ocorreu próximo a base aérea de Yuma, por volta das 20h45 (hora local), conforme relatos de funcionários da base. Os pilotos estavam pilotando um helicóptero AH-1Z Viper.

O acidente já se encontra sobre investigação das autoridades competentes, e os nomes dos pilotos ainda não foram divulgados. Oficiais da marinha pediram que fossem respeitadas a privacidade das famílias, neste momento de consternação. ‘Nossos pêsames são aos familiares e amigos de nossos pilotos, que foram perdidos ontem a noite em Yuma’, diz a declaração.

Os pilotos estavam realizando missão de treinamento de rotina no momento do acidente. O voo fazia parte do curso de Instrutores de Armas e Táticas do Corpo de Fuzileiros Navais, que prepara os aviadores para as missões de combate. Nenhum detalhe adicional sobre o acidente fora disponibilizado.

Este é o quarto acidente de aviação da ‘Classe A’ do Corpo de Fuzileiros Navais desde outubro. Os acidentes de ‘Classe A’ são aqueles que resultam na perda de vida ou pelo menos US$ 2 milhões em danos à aeronave. Em dezembro de 2018, cinco fuzileiros navais a bordo de um KC-130J morreram em missão de reabastecimento aéreo no Japão.

  • Com informações do site: Military.com
  • Tradução & Adaptação: Anderson Gabino (DefesaTV)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here