Sikorsky vende 200 novos helicópteros pesados ​​CH-53K para os Marines e a US Navy

A Sikorsky vai entregar o primeiro lote de 12 helicópteros CH-53K King Stallion sob um novo contrato de US$ 1,13 bilhão para o fornecimento total de 200 unidades ao Corpo de Fuzileiros dos EUA (USMC) e para a Marinha dos EUA (US Navy) para substituir os CH-53 antigos.

Esses helicópteros iniciais fazem parte dos 200, a serem construídos exclusivamente para as duas forças navais dos EUA, o que demonstra a aprovação final para o modelo e sua entrada em operação definitiva. As forças de defesa de Israel e da Alemanha, também já demonstraram interesse no modelo.

O CH-53K é a nova versão para substituição da frota de CH-53E Super Stallion, dos EUA. O CH-53E voou pela primeira vez em 1974 e entrou em serviço com o USMC em 1981.

“Nossa primeira entrega de um CH-53K para o USMC marca o início de uma nova geração de entregas de helicópteros da Sikorsky que trazem capacidade insuperável e expandida em todo o campo de batalha para fornecer flexibilidade e eficiência em missões de combate, assistência humanitária ou socorro a desastres para os necessitados “, disse Dan Schultz, presidente da Sikorsky e ex-piloto de CH-53.

“Já com 18 aeronaves adicionais em vários estágios de produção, toda as equipes da Sikorsky, em parceria com nossos fornecedores, estão aguardando as entregas adicionais para atender nossos clientes”,  completou Dan.

Este primeiro lote do  CH53K será entregue ao Marine Corps Air Station, em New River em Jacksonville, Carolina do Norte. Lá, o helicóptero entrara no Plano de Teste de Suportabilidade. Os Marines realizarão uma avaliação logística sobre manutenção, sustentação e apoio logístico geral da aviação do CH53K já batizado de King Stallion.

Essa avaliação também validará os procedimentos de manutenção com os fornecedores do USMC que realizam  manutenção da aeronave. O Plano de Teste de Suportabilidade garantirá prontidão e suporte na linha de voo quando os helicópteros CH-53K entrarem em serviço pleno com o USMC.

Sob os termos do contrato, conhecido como Lotes de Produção Inicial de Baixa Taxa (LRIP) 2 e 3, a Sikorsky iniciará a entrega destes 12 helicópteros CH-53K em 2022, e também fornecerá peças de reposição e suporte logístico.

“Estou orgulhoso do trabalho conjunto entre a US NAVY e da equipe da indústria Sikorsky para alcançar este resultado”, disse o coronel Jack Perrin, gerente de programa do USMC para o projeto Heavy Lift Helicopters do Naval Air Systems Command.

O CH-53K é um helicóptero de longo alcance, pesado para uso naval. O CH-53K realizará o transporte do deslocamento de cargas pesadas, de veículos blindados, equipamentos e pessoal para apoiar operações a partir de um vetor marítimo de deslocamento para as suas operações.

De acordo com a empresa, o novo CH-53K terá capacidades de içar cargas pesadas que, excederão todas as outras plataformas americanas de asa rotativa, e assim será o único helicóptero pesado que permanecerá em produção até 2032, pelo menos.

“Os funcionários da Sikorsky e nossa cadeia de fornecedores nacionais estão prontos para impulsionar a produção do CH-53K para apoiar a implantação desta aeronave moderna, segura e confiável entre 2023 e 2024”, disse o diretor do programa Sikorsky, Bill Falk.

Este contrato demonstra a confiança do USMC na Sikorsky para expandir a produção deste helicóptero pesado e tecnologicamente avançado. Transformamos nossa fábrica para o futuro e implementamos um modelo para todos os futuros programas de helicópteros pesados que ainda estão por vir a ser projetados.

Além disso, nossos engenheiros implementaram as mais recentes tecnologias, como simulação de fabricação e tecnologia de inspeção a laser 3D.

Esses investimentos em sistemas, pessoal e nossas instalações aumentaram a tecnologia e os recursos de fabricação da Sikorsky para atender aos requisitos de produção do CH-53K para clientes domésticos e internacionais.

Nota do Autor:

Há que se lamentar o atual estado de nossa economia e do orçamento de nossas  forças armadas, pois seria  um  equipamento de inestimável valor par a nossa força aeronaval a operar em nosso Porta Helicópteros Atlântico.

JG



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here
Enter the text from the image below