Tropas da U.S. National Guard em Washington DC receberam alimentação com carne podre, vermes, aparas de metal e vidro

blank
Imagem ilustrativa.

As tropas da Guarda Nacional posicionadas em Washington DC na operação de proteção ao Capitólio e outras instituições do governo dos EUA sofreram algumas agruras que não acontecem nem mesmo em zonas de conflito atuais como o Afeganistão e Iraque.

Entre a desconfiança do próprio governo dos EUA, que investiga à tudo e a todos em busca de eventuais “extremistas e supremacistas”, hostilização de grupos de movimentos sociais de minorias de causas raciais BLM e LGBT, até as codições de descanso em situações absurdas, quase de tudo tem acontecido e causado problemas aos militares que defendem o governo que os hostiliza.

Agora as tropas encontraram vários problemas sérios com a alimentação e bebidas que estão sendo servidas nos últimos dias, enquanto continuam a apoiar as missões de segurança na capital.

De carne crua, carne podre, alimentos com vermes e minhocas e até mesmo aparas e rebarbas de metais afiados e cacos de vidro que podem causar lesões internas graves, de tudo um pouco foi encontrado na alimentação servida aos militares.

blank
Fonte: Andrew LaCombe/https://www.facebook.com/photo?fbid=151432080133609&set=pcb.151432873466863

Observação importante é que contratos entre as Forças Armadas e empresas de fornecimento de alimentos diversos, incluíndo alimentos prontos (restaurantes industriais) são comuns a muito tempo nos EUA e em bases no exterior, porém com um acompanhamento adequado de observadores militares justamente para evitar problemas de sabotagens como os que estão acontecendo agora com as tropas da Guarda Nacional em Washington DC.

De acordo com fontes entre os militares que comentaram o assunto com algumas redes de TV de Washington sob condição de anonimato, a situação já acontece desde os primeiros dias da mobilização das tropas na capital federal e os principais suspeitos são elementos ligados à grupos de extrema esquerda, anarquistas, antifas, BLMs e LGBTs radicais extremistas inseridos nos serviços de fornecedores de alimentação, que vêem nas tropas a representação de uma “represão do poder do estado” contra o povo…

Tambem foi comentado pelos militares em condição de anonimato que agora acontecerão investigações clinicas para encontrar eventuais ligações entre as baixas médicas de militares e possíveis intoxicações ou envenemamentos resultantes de alimentação sabotada.

Estranhamente os fatos foram minimizados ou até mesmo abafados, com orientações superiores para não divulgar o assunto adiante, e, somente vieram à tona com as denúncias vazadas para redes sociais e canais de TV dos EUA.

Uma fonte do WXYZ News em Detroit disse que as tropas da Guarda Nacional de Michigan jogaram fora refeições devido a problemas que encontraram, incluindo quase 1751 refeições jogadas fora no domingo, depois que pedaços de metal e cacos de vidro foram encontrados nos alimentos.

Uma fonte da Barstool Sports também enviou textos descrevendo “lascas de metal e minhocas” encontradas nas refeições. A mesma fonte pediu aos repórteres que mencionassem também “o fato de que todos nós gastamos nosso próprio dinheiro com comida porque não confiamos na comida entregue pelo governo”.

Fontes da TV6 Michigan também enviaram fotos, incluindo uma de uma laranja podre, um pãozinho com mofo crescendo no fundo, carne mal cozida e pedaços de arames metálicos finos. Tudo considerado impróprio para o consumo humano ou animal!

blank
Fonte: https://www.uppermichiganssource.com/2021/03/01/michigan-national-guard-rep-bergman-respond-to-reports-of-substandard-food-provided-to-troops-during-dc-deployment/

As preocupações com a segurança alimentar chamaram a atenção de diversos legisladores.

O senador Gary Peters (D-MI) disse: “É simplesmente inaceitável que esses homens e mulheres estejam sendo alimentados com frango com penas ainda presas e carne moída crua, e então, para piorar a situação, eles sejam forçados a comprar comida com seus Próprio dinheiro.”

Peters pediu à Guarda Nacional que rescindisse seu contrato com as empresas que fornecem os alimentos para as tropas da Guarda Nacional de Michigan e, em vez disso, fornecesse uma diária às tropas, incluindo pagamentos retroativos de diárias.

A Guarda Nacional de Michigan disse: “Assim que os primeiros relatórios foram recebidos, a governadora Gretchen Whitmer ligou para o secretário interino do Exército, John E. Whitley, para comunicar as preocupações de Michigan.

Outros líderes seniores de Michigan também se engajaram nos mais altos escalões do governo federal para informar os responsáveis ​​e garantir que eles soubessem de nosso descontentamento com as condições. Todas as garantias foram dadas de que o problema seria tratado e corrigido. ”

O deputado Jack Bergman (R-MI) se reuniu com as tropas e seu escritório disse: “De acordo com os soldados, os problemas de alimentação foram resolvidos, mas ainda estamos analisando como uma equipe para ver como isso aconteceu e garantir que não não aconteça novamente. Como ele deixou bem claro, o Dep. Bergman acredita que já passou da hora de levar nossas tropas da Guarda Nacional de volta para casa em Michigan. ”

Guarda Nacional de Michigan indicou que as tropas permaneceriam em DC até 12 de março, “a data final acordada para este desdobramento”.

Vários legisladores republicanos pediram que as mobilizações da Guarda Nacional em DC já acabassem e, depois que as tropas foram deixadas para se abrigar em um estacionamento , os governadores republicanos. Ron DeSantis da Flórida e Greg Abbott do Texas chamaram de volta as tropas de seu estado de DC.

Abaixo a tradução da declaração da Guarda Nacional de Michigan à TV6 e Gray News quando solicitada por mais informações:

“A Guarda Nacional de Michigan considera os relatos de alimentos mal cozidos e mal preparados fornecidos a nossos militares em Washington, DC, muito preocupantes. Os relatos e fotos em primeira mão de comida mal passada sendo servida mostram claramente que o que está sendo dado aos membros do serviço de Michigan é inaceitável. Assim que os primeiros relatórios foram recebidos, a governadora [Gretchen] Whitmer ligou para o secretário interino do Exército, John E. Whitley, para comunicar as preocupações de Michigan. Outros líderes seniores de Michigan também se engajaram nos mais altos escalões do governo federal para informar os responsáveis ​​e garantir que eles soubessem de nosso descontentamento com as condições. Todas as garantias foram dadas de que o problema seria tratado e corrigido.

“A Missão de Segurança Post Inaugural é uma força-tarefa multiestadual, incluindo 1.000 funcionários de Michigan, sob o comando e controle da Guarda Nacional de Washington DC. Uma decisão foi tomada pela liderança em Washington, DC, para fornecer serviço de refeição contratado para as tropas ali. Este contrato foi concedido e é monitorado pelo National Guard Bureau. O Adjutor Geral de Michigan comunicou todas as preocupações diretamente ao Chefe da Guarda Nacional, General Daniel R. Hokanson, que se comprometeu a resolver as deficiências relatadas do contrato de serviço de alimentação atual.

“A saúde e o bem-estar de nossos membros do serviço da Guarda Nacional de Michigan são fundamentais para seu sucesso, pois eles continuam servindo em missões nos Estados Unidos e em todo o mundo. Os principais líderes da Guarda Nacional de Michigan permanecerão pessoalmente engajados com esta questão e continuarão a pressionar por responsabilidade e uma solução para as refeições mal preparadas que estão sendo servidas.

“As tropas estão programadas para retornar a Michigan logo após 12 de março, a data final acordada para esta implantação.”

Abaixo, alguns vídeos divulgados por redes de TV dos EUA sobre o assunto:

  • Com informações Dailymail UK, American Military News, Michigan National Guard, uppermichiganssource.com, wxyz.com/news WADC via redação Orbis Defense Europe.

Links para referências:

https://www.dailymail.co.uk/news/article-9319315/Raw-chicken-metal-shavings-Poor-food-hospitalized-Michigan-National-Guard-troops-DC.html

https://www.wxyz.com/news/whistleblower-reveals-poor-food-quality-making-michigan-national-guard-members-sick

https://www.uppermichiganssource.com/2021/03/01/michigan-national-guard-rep-bergman-respond-to-reports-of-substandard-food-provided-to-troops-during-dc-deployment/

Reports: Nat’l Guard troops in DC served undercooked food with metal shavings, worms and more